RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 41 registros para a palavra: diz pesquisa

ACM Neto lidera corrida eleitoral para governador, diz pesquisa

O ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), tem 23% nas intenções de voto em pesquisa para medir preferência por candidatos ao Governo do Estado em 2022. O levantamento foi realizado pelo Instituto Real Time Big Data e publicado ontem segunda-feira, 29. 

Em segundo lugar aparece o atual senador e ex-governador da Bahia por dois mandatos, Jaques Wagner (PT), com 11%. O maior percentual da pesquisa foi o de pessoas que não souberam ou não quiseram responder, com 39%, enquanto brancos e nulos atingiram 14%...

Campanhas para 2ª e 3ª doses podem caminhar juntas, diz pesquisador da Fiocruz

O Ministério da Saúde anunciou, nesta terça-feira (16), uma redução de intervalo de seis para cinco meses entre a segunda dose da vacina contra Covid-19 e a dose de reforço, além da ampliação da faixa etária de quem deve receber a terceira dose.

Segundo a nova orientação, todas as pessoas acima de 18 anos, independentemente de que vacina tomaram antes, precisarão receber uma terceira dose de reforço do imunizante contra a infecção...

Lula tem 48% das intenções de voto, e Bolsonaro 21%, diz pesquisa Genial/Quaest, divulgada nesta quarta (10)

Pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (10) mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 48% das intenções de voto para as eleições presidenciais de 2022, contra 21% do presidente Jair Bolsonaro.(Sem partido).

Neste cenário, eles são seguidos pelo ex-ministro Sergio Moro –  que se filiou ao Podemos nesta quinta, com 8%; pelo ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 6%; pelo governador de São Paulo, João Dória (PSDB), com 2%; e pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), com 1%. Felipe d’Avila (Novo) não pontuou. Os votos brancos e nulos somaram 10%, e 4% dos eleitores se declararam indecisos...

Cesta Básica: café foi o principal vilão nos preços dos alimentos em 2021, diz pesquisa

A pesquisa mensal do custo da cesta básica realizada pela Faculdade de Petrolina (Facape), através do Colegiado de Economia, constatou que o café acumula a maior alta entre todos os produtos. A pesquisa também indica aumento de 5,41% no custo da cesta em Juazeiro-BA e de 1,68% em Petrolina-PE.

"Isso se deu devido a baixa oferta do produto por causa da geada que ocorreu no final de julho, somado com a crise hídrica que causou problemas na oferta nacional e como os preços internacionais estão elevados, os preços acabaram subindo bastante", explicou o coordenador da pesquisa, João Ricardo Lima, sobre o a alta no café...

Número de casos de Covid-19 sobe mais de 350% em Petrolina no mês de outubro, diz pesquisa da Facape

O número de casos de contaminação por coronavírus aumentou 357% no mês de outubro em Petrolina, segundo pesquisa da Faculdade de Petrolina (FACAPE). De acordo com o levantamento realizado mensalmente pelo Colegiado de Economia,  foram 1.119 novos casos, contra 245 no mês de setembro.

“Depois de meses seguidos de redução na quantidade de novos casos no município, que vinha acontecendo desde o mês de abril, outubro foi  o inverso,” enfatizou o coordenador da pesquisa, professor doutor João Ricardo Lima...

Brasil sentirá impactos econômicos da pandemia até 2050, diz pesquisa

Os impactos sociais e emocionais da pandemia de covid-19 são amplamente conhecidos, divulgados e podem ser sentidos mais corriqueiramente. Mas qual a repercussão na economia das milhares de vidas perdidas? Pesquisadores da Rede Clima integraram dados epidemiológicos a um modelo econômico e identificaram que os impactos econômicos das mortes na pandemia no Brasil poderão ser observados até 2050.

“Uma pessoa que faleceu aos 50 anos teria pelo menos mais 25 anos, provavelmente, de idade econômica ativa, mais um período de aposentadoria. Toda essa renda futura foi perdida”, aponta o coordenador do grupo, Edson Domingues, da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Nesse sentido, ele acrescenta que também há perdas em domicílios com morte de aposentados. “No Brasil, há vários grupos familiares que dependem dessa renda”...

Famílias passam a respeitar mais professores na pandemia, diz pesquisa

Uma pesquisa feita com mais de 1,3 mil pais de alunos mostra que as famílias dos estudantes passaram a respeitar mais os professores na pandemia de covid-19. De acordo com o levantamento, 89% dos entrevistados reconheceram que os docentes têm um trabalho mais desafiador do que acreditavam antes do início da pandemia. A mesma fatia, 89%, também disse acreditar que, para dar aulas, é preciso mais preparo do que imaginavam antes da pandemia.

A pesquisa Educação Não Presencial na Perspectiva dos Estudantes e Suas Famílias foi realizada pelo Datafolha, encomendada pelo Itaú Social, Fundação Lemann e BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), entre os dias 13 de agosto e 16 de setembro de 2021, pelo telefone, com 1.301 responsáveis que responderam por um total de 1.846 crianças e adolescentes com idades entre 6 e 18 anos da rede pública, em todas as regiões do país...

Bolsonaro lidera rejeição e Lula pode vencer eleição no 1º turno, diz pesquisa

Uma pesquisa das eleições presidenciais de 2022 , realizada pela Quaest Consultoria - e encomendada pela Genial Investimentos - apontou um complicadíssimo cenário eleitoral para o presidente Jair Bolsonaro: um crescimento na sua avaliação negativa, uma diminuição na procura por nomes de 'terceira via' e a possibilidade do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) vencer o pleito ainda no primeiro turno.

A condução do Brasil é reprovada por 48% dos entrevistados - número que cresceu 4 pontos percentuais em apenas um mês. Sua avaliação positiva, porém, encolheu nos últimos trinta dias e passou de 26% para 24%. As regiões Nordeste, Sudeste e Sul foram as que apresentaram maior crescimento na rejeição ao mandatário...

Maioria dos Municípios já vacina pessoas entre 18 e 24 anos e mais de mil não registram mortes, diz pesquisa da CNM

Mais de 1.100 Municípios, totalizando 57,4% dos respondentes, afirmaram estar vacinando a faixa etária entre 18 e 24 anos nesta semana e pelo menos 62 (3,3%) já aplicam a vacina em adolescentes acima de 12 anos sem comorbidades. É o que revela a 22ª edição da pesquisa sobre a Covid-19 realizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM).

O levantamento - que ouviu 1.896 Municípios entre os dias 16 e 19 de agosto - também apontou que cerca de 60,3%, ou 1.144 Entes locais, não registraram morte pela doença nesta semana...

Mais de 180 mulheres foram mortas na Bahia em 2020: 'É preciso entendimento social para mudar esses dados', diz pesquisadora

O levantamento anual feito pela Rede de Observatórios da Segurança aponta que 181 mulheres foram mortas na Bahia em 2020. Desse total, 70 foram vítimas de feminicídio, crime de ódio em que a mulher é assassinada em contexto de violência doméstica ou por misoginia – aversão às mulheres.

Além da Bahia, a organização analisa dados de outros quatro estados: Ceará (138 casos, entre homicídios e feminicídios), Pernambuco (144, somando homicídios e feminicídios), Rio de Janeiro (84, contando homicídios e feminicídios) e São Paulo (200, também entre homicídios e feminicídios)...

Detectado em Salvador reinfecção do novo coronavírus com variante encontrada na África do Sul, diz pesquisa

Uma pesquisa do Instituto D’Or de Ensino e Pesquisa (IDOR) e do Hospital São Rafael, em Salvador, detectou um caso de reinfecção do novo coronavírus no Brasil com a mutação encontrada na África do Sul. A paciente é uma mulher de 45 anos, moradora de Salvador e sem registro de comorbidades.

A descoberta já foi comunicada às autoridades. O G1 procurou a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), que informou que ainda não foi notificada da pesquisa...

Salvador é capital brasileira com maior consumo de bebida alcoólica, diz pesquisa

O consumo de álcool cresceu entre brasileiros no ano de 2019 e Salvador é a capital brasileira com o maior consumo de bebida alcoólica do país, é o que apontam os dados da Pesquisa Nacional de Sáude 2019, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta quarta-feira (19). Segundo o levantamento, 4 entre cada 10 adultos soteropolitanos, o que representa 40,2% da população adulta, ou 919 mil pessoas, beberam ao menos uma vez por semana no ano passado. A cidade está empatada com Florianópolis e seguida por Porto Alegre (39,4%).

Já levando em consideração os estados, o número é um pouco menor. A Bahia fica na oitava posição, com 26,7% (42 milhões) dos adultos afirmando consumir bebida alcoólica pelo menos uma vez por semana. Rio Grande do Sul (34,0%), Mato Grosso do Sul (31,3%) e São Paulo (31,0%) lideram, enquanto as menores proporções de 2019 estavam no Acre (12,6%) e Amazonas (14,4%)...

Nitazoxanida reduz carga viral de pacientes com covid-19, diz pesquisa

O estudo clínico do Laboratório Nacional de Biociências sobre o uso do medicamento nitazoxanida em pacientes na fase precoce da covid-19 demonstrou eficácia no tratamento da doença, reduzindo a carga viral das pessoas infectadas. O anúncio ocorreu durante cerimônia no Palácio do Planalto, na tarde desta segunda-feira (19), com a participação do presidente Jair Bolsonaro.

A pesquisa foi iniciada pelo Laboratório Nacional de Biociências, em Campinas (SP), instituto vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O titular da pasta, ministro Marcos Pontes, celebrou o resultado positivo. ..

Brasil está em posição privilegiada para acesso a vacinas contra a covid-19, diz pesquisadora da OMS

Caso os testes clínicos em curso comprovem a eficácia das vacinas contra a covid-19, o Brasil está bem posicionado para obter doses já no ano que vem. Além disso, os acordos já assinados pelo governo federal e pelo estado de São Paulo dão alternativas ao país, embora seja necessário se apressar no planejamento para preparar os mais de 30 mil postos de vacinação do Sistema Único de Saúde (SUS). A avaliação é da professora da Universidade Federal de Goiás, Cristiana Toscano, que integra o Grupo Consultivo Estratégico de Especialistas em Imunização (SAGE) da OMS.

Segundo ela, o Brasil está numa posição privilegiada por possuir mecanismos bilaterais e o envolvimento do Brasil no Covax, que é um mecanismo multilateral. Esse consórcio, organizado pela OMS para garantir acesso à imunização em todo o mundo, espera captar US$ 18 bilhões com o investimento de 80 países considerados autofinanciáveis, como o Brasil, para fornecer as vacinas para estes e mais 92 países que não teriam condições de fabricar ou comprar as doses. Com isso, o país vai investir cerca de R$ 2,5 bilhões e espera adquirir um portfólio que, até então, tem nove vacinas em desenvolvimento, para garantir a proteção de 10% da população até o final de 2021...

Bolsonaro seria reeleito em qualquer cenário, diz pesquisa

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) conseguiria se reeleger para um segundo mandato, se as eleições presidenciais fossem realizadas hoje. De acordo com a pesquisa Exame/Ideia divulgada nesta sexta-feira (4) em uma disputa em primeiro turno com ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ou com ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro (sem partido), Bolsonaro conquistaria 31% dos votos.

Lula viria em segundo, com 17%, e Moro em terceiro lugar, com 13% dos votos. Em seguida aparecem o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 6%; o apresentador de televisão Luciano Huck com 5%; e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM), com 4%...

Três cidades do Brasil podem ter atingido imunidade coletiva contra a covid-19, diz pesquisa

Cientistas afirmam que alguns lugares do mundo, incluindo cidades e estados do Brasil, dão sinais de que podem ter alcançado a chamada imunidade coletiva ou de rebanho contra o novo coronavírus, de acordo com pesquisadores da Universidade de Strathclyde, na Escócia. Isso acontece quando o vírus não consegue mais continuar a se propagar com força porque não há pessoas vulneráveis em número suficiente para sustentar uma epidemia.

No Brasil, os cientistas afirmam que o Rio de Janeiro, Manaus e São Paulo têm indícios de que alcançaram o limiar de casos, embora o risco de contaminação pela covid-19 permaneça alto...

Bolsonaro é o favorito para as eleições em 2022, diz pesquisa

Jair Bolsonaro passou por grandes desgastes desde o início da pandemia causada pela proliferação do novo coronavírus no Brasil, durante esses meses o país se tornou epicentro mundial da doença, alcançou a marca de 84.00 mortos, perdeu três ministros, sendo dois deles da saúde.

Operações policiais envolvendo pessoas relacionadas a Bolsonaro, fizeram o governo federal passar por polemicas e questionamentos, apesar do cenário brasileiro atual, uma pesquisa revela que, caso as eleições fossem hoje, Bolsonaro seria reeleito...

Imunização com anticorpos de pessoas curadas do Covid-19 é uma possibilidade a ser usada na Bahia, diz pesquisador

O uso de anticorpos isolados de pessoas já curadas pela Covid-19 na Bahia, semelhante ao que tem sido usado por pesquisadores chineses, é uma possibilidade a ser avaliada na Bahia, de acordo com declaração feita o médico infectologista e pesquisador-chefe do Instituto de Tecnologia em Saúde do Senai-Cimatec, Roberto Badaró.

Em entrevista à Rádio Metrópoles, em salvador, o pesquisador disse que tem discutido com o Secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, essa possibilidade:..

61% dos brasileiros acreditam que o coronavírus vai chegar ao Brasil, diz pesquisa

O surto do coronavírus é o maior do tipo desde a SARS em 2002. Conforme apontam os cientistas, trata-se de um vírus novo que é uma variação da família. De acordo com o Ministério de Saúde, os primeiros vírus foram identificados em 1960; e ainda não está claro para os pesquisadores como ocorreu o surgimento da mutação do vírus atual.

No Brasil, segundo o governo federal, já foram descartadas 33 suspeitas desde o começo do monitoramento, e esse número ainda pode subir, tendo em vista que o país ainda possui alguns casos suspeitos. Mesmo assim segundo uma pesquisa do portal Trocando Fraldas, 61% dos brasileiros acreditam que o coronavírus vai chegar ao Brasil; e 72% dos participantes do estudo estão preocupados com o vírus...

Falta de capacitação impacta a rotina de 45% dos motoristas e motoboys, diz pesquisa

Estudo realizado pela Younder indica que 85% dos entrevistados, entre motoristas e motociclistas, têm nos serviços de transporte e entrega a única fonte de renda, sendo que 61,7% desta fatia é composta por profissionais de duas rodas.

Uma pesquisa realizada recentemente pela Younder, empresa desenvolvedora de soluções educacionais empresariais, indica que 44,7% dos motoristas que trabalham com aplicativos ou com entregas em motos ou bicicletas afirmam não terem recebido qualquer tipo de treinamento para prestar serviços a empresas, impactando a performance e segurança diária no trânsito. ..