RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 45 registros para a palavra: renan

Bolsonaro minimiza impacto do relatório de Renan na CPI

Em conversa com apoiadores, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ironizou o possível indiciamento por homicídio que pode ser atribuído a ele no relatório final da CPI da Pandemia.

“Sabiam que eu fui indiciado hoje por homicídio? Alguém tá sabendo aí? O Renan Calheiros me indiciou por homicídio.”..

Renan Calheiros adia entrega do relatório da CPI da Covid para outubro

O relator da CPI da Covid, Renan Calheiros (MDB-AL), adiou a entrega do relatório, que estava prevista para a próxima sexta-feira. A estimativa de sua equipe é que o parecer fique pronto na primeira semana de outubro, ainda sem data definida. A entrega será feita após uma cerimônia de encerramento da comissão.

O motivo do adiamento é aguardar o resultado da busca e apreensão na Precisa Medicamentos, realizada em São Paulo na última sexta-feira. Senadores querem saber se haverá fatos novos a partir do material apreendido, como a existência de um contrato entre a Precisa e o laboratório indiano Bharat Biotech, por exemplo...

PF indicia Renan Calheiros por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

 

O dinheiro, de acordo com os investigadores, teria sido pago em troca de o senador atuar pela aprovação de uma resolução que restringia incentivos fiscais a produtos importados que vinham sendo concedidos pelos Estados com o objetivo de beneficiar a Braskem...

Fernando Bezerra diz que Renan quer transformar caso Covaxin em 'escândalo nacional'

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID foi palco de mais um embate nesta terça-feira (29/06). Os senadores Renan Calheiros (MDB-AL), relator da comissão, e Fernando Bezerra (MDB-PE), líder do governo no Senado, discutiram durante a sessão. 

As rusgas ocorreram em meio ao depoimento do deputado estadual Fausto Jr (MDB-AM), relator da CPI da Saúde da Assembleia Legislativa do Amazonas no ano passado...

Renan diz que Onyx intimidou irmãos Miranda e pode pedir sua prisão

O relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros (MDB-AL) afirmou que o ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, intimidou o deputado federal Luis Miranda e seu irmão durante pronunciamento feito nesta quarta-feira (23) e que pode pedir a sua prisão. A informação foi antecipada pela analista de política da CNN Basília Rodrigues.

Um pedido de convocação de Onyx foi apresentado no início da sessão desta quinta-feira (24). Segundo o relator, o pronunciamento foi marcado por intimidação aos irmãos Miranda, que denunciaram as possíveis irregularidades na compra da Covaxin ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). ..

Citado, Flávio Bolsonaro discute com Witzel e Renan na CPI

O senador Flávio Bolsonaro (sem partido), que não é membro da CPI da Covid, protagonizou um bate boca com o ex-governador Wilson Witzel, que presta depoimento nesta quarta-feira (16).

A presença de Flávio Bolsonaro costuma reforçar a tropa de choque do governo em depoimentos mais sensíveis que podem comprometer o presidente da República. Quando Witzel se referia ao direcionamento político das investigações no Rio de Janeiro com a participação do presidente, Flávio começou as interrupções ao depoimento, gerando revolta dos colegas senadores...

Renan Calheiros diz que CPI tem provas sobre reuniões diárias de Bolsonaro com 'gabinete paralelo'

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid-19, disse neste domingo (30), em entrevista à GloboNews, que a comissão parlamentar de inquérito tem provas de que integrantes de um 'gabinete paralelo' da saúde se reuniam todos os dias com o presidente da República, Jair Bolsonaro.

Esse "gabinete" teria indicado as diretrizes para o enfrentamento da pandemia, entre as quais a adoção do chamado tratamento precoce – comprovadamente ineficaz – da Covid...

Renan acredita que habeas corpus de Pazuello não vai impedir esclarecimentos na CPI

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, acredita que o habeas corpus concedido ao ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello não vai impedir o esclarecimento de informações. O general foi o ministro que passou mais tempo à frente do Ministério durante a pandemia.

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu habeas corpus a Eduardo Pazuello na sexta-feira (14) para que o ex-ministro tenha o direito de ficar em silêncio na CPI da Covid sempre que entender que não precisa responder a perguntas dos senadores. O magistrado tomou a decisão após pedido feito pela Advocacia-Geral da União...

CPI: Aziz suspende reunião após Flavio Bolsonaro chamar Renan Calheiros de 'vagabundo'

O senador Omar Aziz (PSD-AM), presidente da CPI da Covid, suspendeu a reunião da comissão por volta das 17h10 desta quarta-feira (12), após o senador Flavio Bolsonaro (Republicanos-RJ) ter chamado o relator, Renan Calheiros (MDB-AL), de "vagabundo", gerando um bate-boca na comissão.

Flavio Bolsonaro não é integrante da CPI, mas pediu a palavra. Ao mencionar o fato de Renan ter defendido a prisão de Fabio Wajngarten – ex-secretário de Comunicação da Presidência que prestou depoimento nesta quarta –, Flavio declarou: "Imagina a situação: um cidadão honesto ser preso por um vagabundo como Renan Calheiros. Olha a desmoralização."..

Bolsonaro ironiza Renan Calheiros e sugere CPI do leite condensado

O presidente Jair Bolsonaro ironizou nesta quarta-feira (12/5) a Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da covid-19. Ao relator da CPI, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), o mandatário sugeriu que seja criada também uma "CPI do leite condensado".

O chefe do Executivo reclamou sobre declaração de Calheiros, que afirmou que a investigação sobre desvios de verbas de estados poderá ser feita "se houver necessidade", mas que não é objetivo inicial da comissão...

Omar Aziz é eleito presidente da CPI da Pandemia; Renan será o relator

Os integrantes da CPI da Pandemia definiram, nesta terça-feira (27), os senadores que irão comandar os trabalhos do colegiado. Omar Aziz (PSD-AM) foi eleito presidente, e Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice. O relator da comissão será o senador Renan Calheiros (MDB-AL). Saiba mais sobre a instalação do colegiado.

A reunião durou cerca de duas horas e foi marcada por questionamentos em relação à relatoria de Renan Calheiros, sob o argumento dele ser pai de um governador, que será investigado pela comissão...

Liminar derruba Renan Calheiros da relatoria da CPI da Pandemia

A Justiça Federal de Brasília determinou nesta segunda-feira (26) que o senador Renan Calheiros (MDB-AL) não poderá ser relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, que está marcada para ser instalada nesta terça-feira (27) no Senado Federal. A Justiça acolheu uma ação popular ajuizada pela deputada Carla Zambelli (PSL-SP).

Na decisão, assinada pelo juiz Charles Renaud Frazão de Moraes, o magistrado acolheu os argumentos apresentados por Zambelli de que Renan não poderia ser o relator pelo fato de ser pai do governador de Alagoas, Renan Filho (MDB)...

Omar Aziz, Randolfe Rodrigues e Renan vão comandar CPI da Pandemia

Um acordo entre parlamentares que vão compor a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia no Senado, que vai investigar as ações do governo federal e o uso de verbas federais transferidas a estados e municípios para combater a covid-19, definiu que o colegiado será presidido por Omar Aziz (PSD-AM) e terá na vice-presidência o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), autor do requerimento de instalação da CPI.

Ao senador Renan Calheiros (MDB-AL), que era o mais cotado para ficar com o comando na comissão, caberá a relatoria do colegiado. A informação foi confirmada por Randolfe Rodrigues nesta sexta-feira (16)...

‘Tirar Bolsonaro para colocar Mourão é trocar 6 por meia dúzia’, diz Renan Calheiros

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) participou de mais uma live da IstoÉ na tarde da sexta-feira, 22. Na conversa com a editora da revista em Brasília, Iara Lemos, o parlamentar fez uma análise do cenário político brasileiro – como a questão do impeachment do presidente da República -, avaliou as eleições para as mesas diretoras da Câmara e Senado e criticou o atual recesso parlamentar no Congresso Nacional.

O senador alagoano analisou ainda a operação Lava Jato e comentou sobre uma possível criminalização da política como estratégia de grupos da Justiça para eleger Bolsonaro. Sobre o impedimento do presidente, o senador disparou: “Tirar Bolsonaro para colocar Mourão, do ponto de vista democrático, não agrega nada”...

Renan, filho de Bolsonaro, usa de graça empresa contratada pelo governo

O ex-presidente da Comissão de Ética Pública da Presidência da República Mauro Menezes diz que é "um exemplo claro de violação à impessoalidade" o acordo feito entre a empresa de Renan Bolsonaro, 22, o filho 04 do presidente Jair Bolsonaro, e uma produtora que presta serviços ao governo.

Conforme a Folha de S.Paulo revelou nesta quinta-feira (10), a cobertura com fotos e vídeos da festa de inauguração de uma empresa de Renan foi realizada gratuitamente pela produtora Astronautas Filmes. Somente neste ano, a empresa recebeu ao menos R$ 1,4 milhão do governo Bolsonaro...

Bolsonaro quer pacificar relação com Renan por reformas

A eleição de Davi Alcolumbre (DEM-AP) para presidente do Senado Federal representou uma vitória de Jair Bolsonaro, sobretudo do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, mas fez com que o Planalto ganhasse um adversário considerado influente: Renan Calheiros (MDB-AL). A avaliação tem sido feita em caráter reservado por assessores presidenciais, para os quais caberá agora ao presidente Jair Bolsonaro atuar pessoalmente para tentar reconstruir a relação com Renan e reduzir os danos causados pelo envolvimento do ministro da Casa Civil na seara legislativa.

Em seu quarto mandato como senador, o alagoano tem interlocução tanto com a direita quanto com a esquerda e é avaliado como um articulador hábil. Para o Palácio do Planalto, é preocupante tê-lo como adversário, sobretudo no momento em que o governo elegeu a reforma previdenciária como sua prioridade em início de gestão. A estratégia que tem sido defendida pelo entorno do presidente é que ele entre em contato com Renan neste final de semana e o convide para um encontro reservado assim que voltar a Brasília, o que está previsto para ocorrer até sexta-feira (8)...

Em rede social, Renan diz que não tem intenção de ser presidente do Senado

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) disse, em sua conta no Twitter, que não tem intenção de ser novamente presidente do Senado Federal. "Os alagoanos me reelegeram para ser um bom senador, não presidente", afirmou. "Já fui várias vezes presidente do Senado, em momentos também difíceis. A decisão caberá à bancada, e temos outros nomes", escreveu Renan, que já presidiu a casa por quatro vezes.

Apesar da fala, Renan tem potencial para ser reconduzido à presidência. Ele trava uma disputa interna no MDB com a senadora sul-mato-grossense Simone Tebet. Outros senadores, como o eleito Major Olímpio (PSL-SP), resistem a Renan e já demonstram apoio à candidatura de Tebet. Além de Renan e Simone, os outros candidatos na disputa são Tasso Jereissati (PSDB-CE), Esperidião Amin (PP-SC), Álvaro Dias (Podemos-PR) e Davi Alcolumbre (DEM-AP). ..

Renan Calheiros é condenado a perder mandato e direitos políticos

Justiça do Distrito Federal condenou o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) a perda mandato e suspensão de direitos políticos por oito anos por improbidade administrativa. A sentença é o juiz Waldemar Carvalho, da 14ª Vara Federal. O parlamentar pode recorrer sem deixar o cargo.

De acordo com informações do G1, o senador foi condenado por enriquecimento ilícito e vantagem patrimonial indevida. O processo é relacionado ao caso do pagamento de pensão a um filho que o parlamentar teve fora do casamento com a jornalista Mônica Veloso. Ela acusa o peemedebista de pagar a pensão da criança com dinheiro de um lobista da empreiteira Mendes Júnior...

Contas secretas atribuídas a operador de Renan são encontradas

De acordo com publicação da Revista ÉPOCA, "os investigadores da Lava Jato, frustrados com as dificuldades em provar a ligação do senador Renan Calheiros, do PMDB, com a propina nos órgãos públicos que estavam sob influência dele, finalmente tiveram boas notícias. Graças a um acordo com o Panamá, localizaram quatro contas secretas de um dos principais operadores do senador. As contas, segundo as informações já disponíveis, recebiam dinheiro sujo. Não ficam no Panamá."

O Senador Renan Calheiros, ex presidente do Senado e até bem recente, líder do PMDB no Congesso, é alvo de vários inqueritos na Lava Jato. Nos últimos dias o senador alagoano tem surpreendidos companheiro de partido pela sua posiçõa crítica e pronunciamentos críticos ao presidente Michel Temer...

FLAGRANTES DA VIDA: LUCAS RENAN E A BELA PAISAGEM NO LOTEAMENTO ELDORADO.

O Blog Geraldo José entre tantos outros quadros: Reminiscências, Entre Aspas, Espaço do Leitor, sempre contando com a colaboração do leitor, estreia neste domingo (02) o espaço “FLAGRANTES DA VIDA” onde serão postados os flagrantes do leitor que estejam relacionados à paisagem da sua cidade de origem, natureza, fotos que possam se transformar em cartões postais, inclusive, com a presença de amigos e familiares. Não vale fotos e nem vídeos de acidentes, e nem de notícias.

O Objetivo do Blog é contar cada vez mais com a participação do leitor, responsável pela grande audiência deste veículo de comunicação na região. A estreia do quadro acontece exatamente com a participação do jovem Lucas Renan, filho do casal Luciano Medrado e Luciene Araújo, flagrantes anotados na tarde deste domingo (02), no Loteamento Eldorado, em Juazeiro. As imagens parecem carregadas de efeitos, mas podemos assegurar que o único efeito presente é o da sublime natureza...