RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 1590 registros para a palavra: bolsonaro

Bolsonaro chega à Bahia para visitar obras e formalizar contrato de concessão da rodovia

O presidente Jair Bolsonaro chegou à Bahia nesta sexta-feira (3), para visitar as obras da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), na cidade de Tanhaçu, sudoeste do estado. Ele também participará da cerimônia de formalização do contrato de concessão do trecho de 537 km da via.

O avião presidencial pousou no Aeroporto Glauber Rocha, em Vitória da Conquista, que fica a cerca de 130 km de Tanhaçu, por volta das 8h30. De lá, Bolsonaro seguirá de helicóptero para Tanhaçu. O presidente não usou máscara de proteção contra a Covid-19 na chegada ao estado baiano...

Empresários pedem a Bolsonaro o retorno do horário de verão

Empresários brasileiros do setor de turismo e alimentação enviaram um pedido ao presidente da república, Jair Bolsonaro, pedindo o retorno do horário de verão no país, extinto em 2019.

A carta que tenta a reconsideração da medida foi enviada nesta quinta-feira (02) e contou com a assinatura de pelo menos 15 entidades, como a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e a União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs)...

Presidente sanciona projeto que revoga Lei de Segurança Nacional

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, com vetos, o projeto que revoga a Lei de Segurança Nacional e que cria um capítulo no Código Penal para crimes contra o Estado Democrático de Direito. O texto foi publicado hoje no Diário Oficial da União e entra em vigor em 90 dias.

Bolsonaro vetou o trecho que previa punição para quem praticasse a "comunicação enganosa em massa", as fake news. O argumento é que ele contraria o interesse público por não deixar claro o objeto da criminalização, se a conduta daquele que gerou a notícia ou daquele que a compartilhou (mesmo sem intenção de massificar), ou se haveria um “tribunal da verdade” para definir o que pode ser entendido por inverídico. Além disso, provocaria “enorme insegurança jurídica” diante da dúvida sobre se o crime seria continuado ou permanente...

Bolsonaro lidera rejeição e Lula pode vencer eleição no 1º turno, diz pesquisa

Uma pesquisa das eleições presidenciais de 2022 , realizada pela Quaest Consultoria - e encomendada pela Genial Investimentos - apontou um complicadíssimo cenário eleitoral para o presidente Jair Bolsonaro: um crescimento na sua avaliação negativa, uma diminuição na procura por nomes de 'terceira via' e a possibilidade do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) vencer o pleito ainda no primeiro turno.

A condução do Brasil é reprovada por 48% dos entrevistados - número que cresceu 4 pontos percentuais em apenas um mês. Sua avaliação positiva, porém, encolheu nos últimos trinta dias e passou de 26% para 24%. As regiões Nordeste, Sudeste e Sul foram as que apresentaram maior crescimento na rejeição ao mandatário...

Justiça do RJ determina quebra dos sigilos bancário e fiscal de Carlos Bolsonaro

A Justiça do Rio de Janeiro determinou a quebra de sigilo bancário e fiscal do vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). A decisão atende a pedido do Ministério Público do Rio de Janeiro, que investiga a contratação de supostos funcionários fantasmas e da prática de “rachadinha” no gabinete do filho do presidente Jair Bolsonaro na Câmara de Vereadores.

Carlos é vereador desde 2000 e está em seu sexto mandato. O caso está tramitando na 3ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal Especializada...

CPI da Pandemia aprova convocação de advogada da família Bolsonaro

A CPI da Pandemia aprovou nesta terça-feira (31) a convocação da advogada Karina Kufa, que defende membros da família Bolsonaro.

O requerimento, apresentado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), prevê que Kufa conceda explicações sobre “um jantar em sua residência onde Marconny Faria foi apresentado a [José] Ricardo Santana, depoente que se revelou como uma espécie de consultor informal do Ministério da Saúde”...

Bolsonaro flerta com 'golpe dentro do golpe', diz Dilma 5 anos após impeachment

A atual crise política no país, sob gestão Jair Bolsonaro, é um desdobramento do processo de impeachment ocorrido em 2016, afirma a ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Nesta terça-feira (31) são completados cinco anos do impedimento que tirou a petista do poder sob acusação de pedaladas fiscais -e com grande mobilização nas ruas em meio à impopularidade de Dilma e à crise econômica...

Bolsonaro cita 'obsessão' de Biden por questão ambiental e diz que ela atrapalha Brasil

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda (30) que o presidente dos EUA, Joe Biden, tem "quase uma obsessão pela questão ambiental" e que isso "atrapalha um pouquinho" o governo brasileiro.

As declarações foram dadas durante entrevista a uma rádio de Goiás...

Apoiadores de Bolsonaro em Juazeiro e Petrolina marcam manifestações para o Dia 07 de setembro

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro em Juazeiro e Petrolina definiram a programação do ato público do próximo dia 7 de Setembro. A carreata terá concentração no Pátio Ana das Carrancas e o ato público na orla será a partir das 9h. A programação prevê uma carreata nas principais ruas e avenidas de Juazeiro e Petrolina.

Nas redes sociais também existe a convocação para donos de barcos, lanchas e motos aquaticas para o ato no Rio São Francisco...

Bolsonaro diz que ‘não deseja’ provocar rupturas, mas que ‘tudo tem limite’

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que não deseja “provocar rupturas”, mas que tudo teria “um limite”.

O comentário, feito neste sábado (28), tratava sobre a desmonetização de canais que disseminam notícias falsas no YouTube – uma medida que seguiu orientação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE)...

Em Goiânia, Bolsonaro ameaça não reconhecer resultado da eleição em 2022: "Só Deus me tira daqui"

Em discurso neste sábado, durante visita a Goiás, o Presidente Jair Bolsonaro, ameaçou mais uma vez não reconhecer a derrota na eleição de 2022, caso ela aconteça.

A declaração foi feita durante a participação no 1° Encontro Fraternal de Líderes Evangélicos de Goiás, ganhando repercussão imediata...

Bolsonaro confirma visita a Pernambuco e vai participar de 'motociata' no Agreste

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) confirmou sua visita a Pernambuco na próxima semana. Na agenda de compromissos, o chefe do Executivo deve visitar o Recife, com chegada prevista na próxima sexta-feira (3), e segue para o Agreste pernambucano no sábado (4), onde planeja participar de uma "motociata".

A informação a respeito da visita de Bolsonaro foi confirmada pelo Coronel Meira, atual presidente do PTB. No Recife, na sexta-feira, Bolsonaro deve companhar a passagem de comando da 4ª Região do Exército e no mesmo dia  visitará uma ação social, acompanhado da primeira-dama Michelle Bolsonaro. No mesmo dia, à noite, está programado um jantar com empresários na capital pernambucana. ..

Moraes afasta delegado de inquérito que investiga interferência de Bolsonaro na PF

O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), afastou o delegado Felipe Leal da condução do inquérito que apura a veracidade das acusações do ex-ministro Sergio Moro de que o presidente Jair Bolsonaro violou a autonomia da Polícia Federal para tentar proteger familiares e aliados.

O magistrado afirmou que o delegado da PF extrapolou suas funções ao investigar atos do atual diretor-geral da corporação, Paulo Maiurino, e determinou sua remoção do caso...

Bolsonaro chama de ‘idiota’ quem defende comprar feijão em vez de fuzil, e fala repercute

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) aconselhou seus apoiadores a comprarem um fuzil e chamou de “idiota” quem defende a compra de um pacote de feijão no lugar, uma declaração que repercutiu negativamente nas redes sociais.

“Tem que todo mundo comprar fuzil, pô. Povo armado jamais será escravizado. Eu sei que custa caro. Aí tem um idiota: ‘Ah, tem que comprar é feijão’. Cara, se você não quer comprar fuzil, não enche o saco de quem quer comprar”, disse Bolsonaro a apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada nesta sexta-feira (27)...

Com exclusividade Isto É acusa "a vacina suspeita da família Bolsonaro"

A CPI já desvendou um padrão para os esquemas suspeitos de compras de vacina no Ministério da Saúde: companhias desqualificadas, interesses escusos e empresários duvidosos, muitas vezes ex-militares, operavam negociações bilionárias longe do controle público e alheias às necessidades urgentes do País.

O que não se sabia é que a própria família Bolsonaro também atuava nesse submundo. Agora, uma troca de e-mails à qual ISTOÉ teve acesso com exclusividade aponta fortes indícios de que o senador Flávio Bolsonaro participou de uma negociação paralela para a compra de uma vacina americana, a Vaxxinity, ainda em fase de testes e sem aprovação de nenhuma autoridade sanitária do planeta, durante uma viagem que o parlamentar fez aos EUA, em junho deste ano...

Comandante do Exército diz que Forças Armadas estão prontas para “cumprir missão”

Em cerimônia de comemoração ao Dia do Soldado, nesta quarta-feira (25/8), em Brasília, o comandante do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, afirmou, ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que as Forças Armadas estão prontas para “cumprir sua missão”.

“Sob a autoridade do presidente da República, comandante supremo das Forças Armadas, e integrado à direção superior do ministro da Defesa, o Exército Brasileiro não para em circunstância alguma e, irmanado com a Marinha do Brasil e a Força Aérea Brasileira, mantém-se sempre pronto para cumprir sua missão, delegada pelos brasileiros na Carta Magna”, declarou...

STJ suspende denúncia contra Flávio Bolsonaro e Fabrício Queiroz

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) João Otávio de Noronha suspendeu a tramitação da denúncia contra o senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) e contra Fabrício Queiroz, investigados no esquema das “rachadinhas” na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

O pedido foi feito pela defesa de Queiroz, liderada pelo advogado Paulo Emílio Catta Preta. A reclamação dos defensores foi deferida pelo ministro na terça-feira (24) e a decisão também foi estendida a outros 15 acusados...

‘Não há previsão de análise de impeachment de ministro’, afirma Pacheco

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse nesta segunda-feira (23) que não há previsão para analisar o o pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes. 

“Deve-se levar em conta os aspectos políticos do pedido de impeachment, mas sobretudo a técnica e os aspectos jurídicos. Existe uma lei que que estabelece um rol taxativo do que pode ser uma situação de impeachment, e é essa avaliação que será feita pela presidência do Senado Federal, à luz do que a lei e a Constituição determinam, e é isso o que eu farei como presidente do Senado”...

"Fogo de palha", diz Mourão sobre atos pró-governo

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) descartou o risco de convulsão social no país por causa das manifestações pró-governo e contra o Supremo Tribunal Federal (TF) convocadas para o dia 7 de setembro. “Isso aí tudo é fogo de palha. Zero preocupação”, afirmou o general, ao chegar em seu gabinete na Vice-Presidência nesta segunda-feira, 23.

O presidente Jair Bolsonaro já anunciou que vai participar de atos – pela manhã, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília; e à tarde, na Avenida Paulista, em São Paulo...

Bolsonaro veta fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões para 2022

O presidente Jair Bolsonaro vetou, nesta sexta-feira (20) o aumento do fundo eleitoral de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões, aprovado pela Câmara no mês passado dentro da Lei Orçamentária. O valor representaria 25% de ampliação do montante.

A lei será publicada no Diário Oficial da União (DOU) de segunda-feira (23). O Congresso ainda pode manter ou derrubar o veto...