RedeGN - III Simpósio Ibero-Americano de Marcas de Qualidade de Produtos Cárneos e Cadeia Produtiva da Carne acontece em dezembro

III Simpósio Ibero-Americano de Marcas de Qualidade de Produtos Cárneos e Cadeia Produtiva da Carne acontece em dezembro

Para debater aspectos relacionados à cadeia produtiva da carne, principalmente no semiárido brasileiro, nos dias 9 e 10 de dezembro será realizado o III Simpósio Ibero-Americano de Marcas de Qualidade de Produtos Cárneos e Cadeia Produtiva da Carne (Siacarne).

O evento virtual, que irá reunir pesquisadores do Brasil, Austrália, México, Espanha e Estados Unidos, além de estudantes, técnicos e produtores, é promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal (PPGCA), da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf).

A programação irá contar com palestras, apresentação de trabalhos, mesa-redonda e minicursos. As inscrições já estão abertas, tanto para ouvintes quanto para submissão de trabalhos, e irão até 18 de novembro.

Os interessados podem se inscrever pelo site do evento. Serão aceitos dois resumos simples por inscrição, que devem estar dentro das áreas de “Avaliação de carcaça e ciência da carne” ou “Tecnologia e derivados cárneos e pescados”. As regras de submissão estão disponíveis na página do simpósio. Cada trabalho apresentado irá receber um certificado, porém, aqueles que não forem apresentados apenas irão constar nos anais.

Segundo o professor do PPGCA Rafael Torres de Souza Rodrigues, que integra as Comissões Científica e de Condução de Apresentação do evento, o grande diferencial dessa edição é o foco em inovações na indústria da carne. “As outras edições trataram mais sobre marcas de produtos de carne e da criação de um grupo de trabalho, para que a manta de Petrolina (PE), que é a carne desossada, fosse declarada patrimônio do município. Agora iremos focar na ciência e tecnologia da cadeia produtiva da carne, principalmente de caprinos e ovinos”, destaca.

Programação - As palestras internacionais serão legendadas e traduzidas pelos próprios professores do PPGCA. Entre os temas a serem abordados ao longo da programação estão “Carne de cordeiro australiana – mudanças para mantê-la competitiva e relevante”, ministrada por David Hopkins, editor chefe da revista Meat Science, da Austrália; “Inovações na produção de derivados cárneos de suínos”, ministrada por Daniel José Franco Ruiz, da Fundación Centro Tecnolóxico da Carne, na Espanha; “Produção de pernil curado e maturado de ovinos”, com a palestrante Luz Hermila Villalobos Delgado, da Universidad Tecnológica de La Mixteca, no México; “Selo Arte: regulamentação e procedimento para registro de produtos cárneos”, com Jane Viana de Souza, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Os dois minicursos ofertados serão realizados no segundo dia de evento, das 14h às 17h. As temáticas são “Avaliação e tipificação de carcaças” e “Uso da charcutaria para agregar valor à carne de cordeiros”. Haverá também uma premiação para os melhores trabalhos apresentados durante o III Siacarne.

Rodrigues diz que o evento é de suma importância para a cadeia produtiva da carne, principalmente para o semiárido. “A nossa região detém os maiores rebanhos de caprinos e ovinos do Brasil, no entanto, ainda tem dificuldades para conseguir inserir seus produtos no mercado. O evento visa mostrar para os produtores e a indústria regional o processo de outras regiões e países, que obtêm técnicas diferentes, para que eles possam tomar como exemplo e possam ser estimulados a implantar novas tecnologias na nossa cadeia produtiva”, observa.

Ascom Univasf Foto Ilustrativa