RedeGN - Exploração infantil: Polícia investiga caso de crianças que eram 'alugadas' e obrigadas a mendigar na Bahia

Exploração infantil: Polícia investiga caso de crianças que eram 'alugadas' e obrigadas a mendigar na Bahia

A Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca) de Salvador iniciou uma operação para investigar casos de exploração infantil. Na quinta-feira (23), mais de 20 crianças foram encaminhadas para o Conselho Tutelar.

De acordo com a Polícia Civil, cinco delas estavam "emprestadas ou alugadas" pelas famílias, para serem obrigadas a mendigar em estacionamentos de supermercados, e sinaleiras, da capital baiana. A Dercca detalhou que algumas dessas crianças ainda são bebês de colo.

As abordagens foram feitas nas regiões da Rótula do Abacaxi e na Avenida Paralela, além de semáforos no bairro da Pituba. As mais de 20 crianças encaminhadas ao Conselho Tutelar foram acompanhadas dos adultos, que deveriam ser os responsáveis por garantirem os direitos básicos delas.

Eles prestaram depoimento e a Dercca abriu inquérito para investigar o crime de exploração infantil. Depois disso, as crianças foram encaminhadas sob responsabilidade de outros familiares.

A polícia também direcionou as famílias para análise de integração em programas sociais da prefeitura. A Dercca destacou que, há um contexto de vulnerabilidade social que leva à exploração infantil, que não pode ser ignorado, apesar do crime.

G1 Bahia