RedeGN - Faleceu em Salvador, vítima da Covid-19, Roberto Luiz (Robertão) do Lava Jato Curaçá, em Juazeiro

Faleceu em Salvador, vítima da Covid-19, Roberto Luiz (Robertão) do Lava Jato Curaçá, em Juazeiro

- Roberto Alcântara, com as filhas, em foto do arquivo da família -

Faleceu hoje (28) em Salvador, para onde tinha sido transferido no último dia 24, o comerciante Roberto Luiz de Souza Alcântara, de 65 anos, mais conhecido como Robertão.

Natural do distrito de Patamuté, em Curaçá, ele morava em Juazeiro ha algumas décadas e era proprietário do Lava Jato Curaçá, próximo ao Terminal Urbano de Juazeiro.

Roberto Luiz foi diagnosticado com a Covid-19, internado no Hospital Regional de Juazeiro, onde recebeu os primeiros cuidados, teve agravamento da sua situação, foi transferido para Salvador em uma UTI aérea, mas não resistiu e veio a óbito nesta madrugada (28).

A redeGN manteve um contato com o ex-jogador de futebol, Muller, genro de Robertão, que informou que o translado do corpo já está sendo providenciado e o sepultamento será em Patamuté, Curaçá, sua terra natal.

Ao tempo que lamenta a morte de Robertão, a redeGN se solidariza com familiares e amigos neste momento de profunda dor e saudade.

Da redação redeGN