RedeGN - Imprimir Matéria

Câmara de Petrolina recorre ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para resolver impasse da ocupação do prédio

06 de Sep / 2013 às 18h26 | Política

Na manhã desta sexta-feira (6), a Justiça negou ao grupo denominado ‘Resistência Petrolinense’ o pedido de habes corpos solicitado pela defesa dos manifestantes. O grupo, que permanece acampado na Câmara de Vereadores de Petrolina queria garantir o direito de permanecer na Casa Plínio Amorim.

Já a Assistência Jurídica da Câmara recorreu ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para desocupar o prédio público. A presidência espera que, o parecer favorável seja expedido. 

Ascom PMP

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.