RedeGN - Imprimir Matéria

Divisão da Bahia daria prejuízo de R$ 800 milhões ao ano

01 de Jul / 2011 às 16h10 | Variadas

Se fosse criado hoje, o estado do São Francisco, projeto encabeçado pelo deputado federal Oziel Oliveira (PDT) na Câmara Federal, sobreviveria no vermelho. O potencial de arrecadação seria de R$ 1,17 bilhão e o custo anual cerca de R$ 2 bilhões – um resultado fiscal deficitário em R$ 800 milhões por na. Além disso, apenas 4 dos 35 municípios previstos para integrar o suposto ente federativo concentrariam 83,6% do PIB: Barreiras, Luis Eduardo Magalhães, São Desidério e Correntina. Os outros 31 municípios minguariam com baixa receita, pobreza e aumento das desigualdades sociais. Esse é o diagnostico pouco otimista de uma pesquisa realizada pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), ligada à Secretaria de Planejamento (Seplan), que deve ser divulgada. Leia mais em A Tarde

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.