RedeGN - Imprimir Matéria

Policiais Militares das Unidades Administrativas de Juazeiro estão sendo escalados em serviço operacional sem receber a remuneração devida, denúncia ASPRA

13 de Jan / 2022 às 19h34 | Policial

Os policiais militares das unidades administrativas da PMBA em Juazeiro, em especial os praças, estão sendo escalados nas unidades operacionais para serviço de área, porém não estão recebendo a remuneração devida.

Praças lotadas nessas unidades recebem um percentual de 25% de CET, mas estão sendo empregados em serviço que a lei manda pagar 45%, no mínimo. Trata-se de mais uma forma rasteira, sórdida e ilegal do Estado da Bahia, por meio do comando da PMBA, de vilipendiar o direito dos praças, pagando por um serviço e escalando em outro.

Já não basta o absurdo dos praças serem os ÚNICOS servidores da segurança pública a receber CET menor do que 125% (uma vez que agentes, delegados, oficiais etc recebem 125%), num preconceito e falta de valorização do comandante da PMBA, agora, aqueles que recebem menos ainda, estão sendo explorados em nome de operações midiáticas.

A Aspra convoca todos os praças que estão sendo covardemente prejudicados para ajuizamento das ações cabíveis, inclusive contra os escalantes, pois se trata de enriquecimento ilícito do Estado!

Ascom Aspra Bahia

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.