RedeGN - Imprimir Matéria

Falha no sistema atrasou início de provas do Enem digital em Petrolina

22 de Nov / 2021 às 09h15 | Variadas

As provas do Enem digital aplicadas no prédio do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão) de Petrolina, no Sertão do Estado, começaram com atraso devido a problemas no sistema de informática do exame.

Em sete laboratórios da instituição, 190 candidatos iniciaram a avaliação em horários diferentes dos demais participantes do País por causa dessa falha.

Oficialmente, o Enem começou às 13h30. Para esses estudantes, os testes foram liberados em horas diferentes, variando entre 14h10 e 15h40.

O Enem digital acontece, em Pernambuco, apenas nas cidades de Recife, Caruaru e Petrolina. São 2.097 candidatos. Em Petrolina há 344 inscritos, conforme o Inep. Esta é a segunda edição do Enem digital e a primeira vez que acontece simultaneamente com a versão impressa.

As provas deste domingo foram redação, linguagens e ciências humanas. Apenas a redação ocorre no formato tradicional, ou seja, escrita em papel impresso. As demais são respondidas em computadores.

Em todo o Brasil estão inscritos 3.109.762 estudantes para o Enem, sendo 3.040.871 para o exame impresso e 68.891 para o digital. Em Pernambuco há no total 178.777 feras inscritos.

Margareth Carneiro, coordenadora estadual do Enem em Pernambuco pela Fundação Cesgranrio, empresa contratada pelo Inep para aplicar o exame, informou que os candidatos não serão prejudicados. 

jc ne10

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.