RedeGN - Imprimir Matéria

Durante quatro meses de 'Operação Catedral, Guarda Civil de Petrolina atendeu mais de 2400 ocorrências

23 de Sep / 2021 às 15h30 | Policial

A 'Operação Catedral' foi deflagrada há quatro meses com o objetivo de restabelecer a ordem pública e a segurança da população que trafega na região central da cidade, como também de coibir a criminalidade e o tráfico de drogas. Após os 120 dias de atuação, a Prefeitura de Petrolina, através da Guarda Civil Municipal (GCM), apresenta um balanço das atividades.

De acordo com o secretário executivo de Segurança Pública, Cícero Dirceu, as ações foram consideradas exitosas. Durante esse período foram apreendidas 500g de maconha, 280 pedras de crack, 900g de cocaína, 1.473 pessoas suspeitas foram abordadas, 37 pessoas conduzidas para delegacia de plantão e 126 armas brancas apreendidas.

“Estamos empenhados e trabalhando diariamente para garantir a segurança de todos que circulam no centro da cidade. Além disso, contamos com o suporte do ônibus da corporação, que auxilia nas operações e realiza o monitoramento de vídeo de toda a área”, pontuou Dirceu.

O secretário executivo lembrou ainda que na última sexta-feira (17), foi criado o Comando de Policiamento da Região Central (CPRC), mais 40 agentes de segurança vão circular pela região de maior movimentação de público. As prioridades da nova tropa serão combater o tráfico de drogas, promover a segurança na área, realizar a manutenção da ordem pública e prevenir outras ocorrências.

Da Redação RedeGN / foto: divulgação-PMP

© Copyright RedeGN. 2009 - 2021. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.