RedeGN - Imprimir Matéria

Com dois de Kanu e dois de Calaça, Juazeirense passa!

07 de Apr / 2021 às 22h32 | Esporte

O Jogo da Juazeirense, nesta quarta-feira (7), contra o Volta Redonda, válido pela segunda fase da Copa do Brasil, é uma daquelas partidas memoráveis e para ser guardada nos anais do time do interior baiano.

Depois de estar perdendo por 3 x 0, no primeiro tempo, o Cancão de Fogo foi buscar forças e voltou impossível no segundo tempo do jogo, marcou três vezes, empatou a partida e foi buscar nas penalidades a cereja que ia enfeitar seu bolo.

O jogo desta quarta (7) no estádio Adauto Moraes teve três tempos: um do Volta Redonda, um do conjunto da Juazeirense e outro do Goleiro Rodrigo Calaça, de 39 anos, que chegou para disputar a temporada e já fez história. 

Calaça, que já havia defendido uma penalidade na sua estreia na temporada, contra o Bahia, pelo Campeonato Baiano, voltou a brilhar, defendeu duas penalidades e escancarou uma planície para que os seus companheiros de jornada concluíssem seus arremates e colocassem o Cancão de Fogo na próxima fase da Copa do Brasil. 

Antes das penalidades outros jogadores já tinham brilhado, pela maturidade, força de vontade e frieza para buscar o empate que àquela altura parecia impossível. O conjunto voltou a brilhar e apareceu, vindo do banco, Kanu, que chegou da Europa a poucos dias para marcar duas vezes, fazendo jus, na primeira oportunidade, ao esforço da diretoria.

Foi uma tarde épica para o cancão e nada poderia mudar o que estava escrito, nem o primeiro erro nas penalidades, quando Clebson, um dos destaques da reação no tempo normal, perdeu o primeiro arremate. 

A Juazeirense tinha Rodrigo Calaça no gol e uma trupe de companheiros prontos para não cometer um segundo erro, que não veio. 

Parabéns Cancão. Agora é só esperar o Pix. Já fez CBF?

Da redação redeGN/ Wilson Duarte

© Copyright RedeGN. 2009 - 2021. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.