RedeGN - Imprimir Matéria

Alerta: Orientação para a população de Juazeiro e Petrolina ao enxergar enxames é ligar para o Abelha Viva e SOS Abelhas

16 de Sep / 2020 às 16h03 | Variadas

Em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde de Petrolina, a redeGN foi informada que neste mês de setembro receberam em torno de 70 chamados alertando para a presença de enxames de abelhas. Não havia outros registros de mortes de pessoas por ataque de abelhas na cidade, como o óbito do idoso de 71 anos ocorrido na última segunda-feira. 

A orientação para quem visualizar algum enxame é ligar para o número 87 3867-4774. Esse contato é do CCZ, que repassa a demanda para o SOS Abelhas. 

O grupo 'SOS Abelhas' nasceu em 2018, através de uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Petrolina e outras instituições do município, como o Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna), o Corpo de Bombeiros, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), a Associação de Criadores de Abelhas do Município de Petrolina (Ascamp), Vigilância Sanitária, entre outras.

Quando as equipes ficam sabendo dos enxames, alguns servidores vão ao local e averiguam a situação para posterior remoção. As remoções acontecem, geralmente, no período noturno, quando as abelhas estão "arranchadas ". Após esse trabalho, a Ascamp dá o destino correto às abelhas. É válido reforçar que exterminar abelhas é crime.

Importante ressaltar que as abelhas não vilãs. Elas são fundamentais para o ecossistema. Em Juazeiro, Bahia, o Projeto Abelha Viva é um exemplo de que todo o ano e dia são comuns atendimentos de ocorrências envolvendo abelhas, porém é na estação das flores e no verão que os incidentes com estes insetos aumentam consideravelmente. O contato para resgate e chamadas Abelha Viva é 74988078757.

Redação redeGN Foto Divulgação

© Copyright RedeGN. 2009 - 2020. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.