RedeGN - Imprimir Matéria

Movimentação no TRF1, que tornaria Joseph Bandeira inelegível, anima correligionários do ex-prefeito de Juazeiro

02 de Sep / 2020 às 11h16 | Política

Uma movimentação no processo judicial do ex-prefeito de Juazeiro, Joseph Bandeira, que poderia resultar na sua inelegibilidade, termo que define quando um candidato não tem condições de ser eleito, deve animar momentaneamente os correligionários do pré-candidato, movimentar os bastidores e colocar uma interrogação no cenário de definições de candidaturas e alianças nos próximos dias.

A redeGN teve acesso ao relatório de movimentações no processo do TRF1 e constatou que no último dia 31 e nestes dois primeiros dias de setembro ocorreram atividades processuais, o que, segundo um especialista da área, consultado pela redeGN, “dá um indicativo que a decisão anterior, com sentença de processado e julgado, poderia ainda ser revista”, disse.

O processo no TRF1 apresenta movimentação nos dias 31 de agosto e 01 de setembro, com juntada de documento e encaminhamento de remessa nos dois últimos dias para o vice-presidente do TRF1 e na sequência para assessoria de recursos especiais e extraordinários. 

Para o advogado, que pediu para preservar a fonte, “Essa movimentação processual pode indicar que ouve a devolução do prazo para os advogados, não havendo o que se falar em trânsito e julgado, o que sugere que pode haver ainda o acatamento do recurso especial proposto pela defesa, vez que com trânsito em julgado não haveria nem que se falar sobre adimissiblidade de recurso”, avaliou.

O ex-prefeito de Juazeiro Joseph Bandeira é uma peça chave no jogo político eleitoral no município e deve manter o cenário em clima de expectativa para as decisões do TRF1 nos próximos dias.

Há correntes jurídicas locais, no entanto, que continuam reafirmando a inelegibilidade do pré-candidato.

Da redação redeGN

© Copyright RedeGN. 2009 - 2021. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.