RedeGN - Imprimir Matéria

Covid-19: Como usar água sanitária para higienizar ambientes e alimentos

16 de Apr / 2020 às 17h30 | Variadas

A pandemia da Covid-19 estimulou as pessoas a procurar orientações e dicas que garantam uma proteção adicional contra o novo coronavírus. Uma dúvida muito comum é sobre a correta higienização dos alimentos e superfícies.

O farmacêutico e professor da Rede UniFTC Antônio Wilton explica como higienizar, de forma ágil e segura, os alimentos e superfícies contra micro-organismos, bactérias, fungos e parasitas, utilizando a água sanitária.

A água sanitária é uma solução química a base de hipoclorito de sódio. A solução é muito utilizada para limpeza dos alimentos e ambientes, mas existem recomendações para evitar malefícios à saúde. A primeira questão é em relação à concentração que deve ser utilizada: “A fim de promover uma ação antisséptica, recomenda-se que a concentração de hipoclorito de sódio seja em torno 2,0 a 2,5% e o tempo de ação de 10 minutos em contato com o alimento ou superfície”, recomendou o farmacêutico Antônio Wilton.

Essas concentrações são difíceis de serem feitas em casa. A fim de facilitar o uso correto da água sanitária podemos preparar uma solução utilizando uma 1 colher de sopa de água sanitária em 1 litro de água na higienização de alimento, após a lavagem dos mesmos com água e sabão neutro. A recomendação é deixar o alimento de molho por 10 minutos. Após este processo, lavar, novamente, com água corrente para retirar possíveis resíduos da solução de hipoclorito. Secar e depois guardar em geladeira para posterior consumo, orientou o profissional.

Uma dica interessante é a utilização do vinagre ao invés da solução de hipoclorito (água sanitária). A recomendação é que para frutas e verduras, o vinagre (ácido acético) seja o reagente de escolha para higienização, podendo utilizar a mesma proporção (1 colher de sopa para 1 litro de água e o tempo de ação de 15 minutos. A indicação vem do fato do vinagre ser um produto de consumo, logo, gera menos resíduo e prejuízo à saúde. A água sanitária, por sua vez, pode ser tóxica e, em contato com a pele, pode gerar irritações ou queimaduras. Logo, deve-se manusear com cuidado, utilizando luvas de proteção, argumentou o professor.

 Curiosidade!

O hipoclorito de sódio ou vinagre não matam as bactérias, fungos ou parasitas. Eles alteram o pH do meio, ácido (vinagre) ou básico (hipoclorito), fazendo com que esses microrganismos sejam eliminados de mais facilmente durante o enxágue dos alimentos, facilitando sua higienização.

Ascom/UniFTC

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.