RedeGN - Petrolina: Câmara aprova financiamento para modernização da gestão municipal e construção novo Centro Administrativo

Petrolina: Câmara aprova financiamento para modernização da gestão municipal e construção novo Centro Administrativo

A Câmara de Vereadores de Petrolina aprovou quinta-feira (19) uma lei autorizativa para operação de crédito, através do Projeto de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos – PMAT, que prevê o financiamento de R$20 milhões, sendo R$2 milhões de contrapartida do município, para investimentos na construção do novo centro administrativo: o Centro de Cidadania de Petrolina. O PMAT é um programa do BNDES destinado a apoiar projetos de investimentos voltados à melhoria da eficiência da gestão pública.

O novo Centro Administrativo da cidade, que funcionará no antigo Ceape, visa a centralização administrativa, priorizando o aumento da eficiência da gestão pública municipal. “Isso permite que o cidadão tenha disponível, em um só lugar, todos os serviços ofertados pelo município, em uma estrutura moderna e equipada”, explica o prefeito, Julio Lossio.

O espaço contará com uma área de 6,5 hectares, sendo, 14.440 m2 de área coberta distribuída em 4 pavilhões de 3.610 m2 já edificados, que serão adaptados para as novas funções. O projeto prioriza o conceito de sustentabilidade, utilizando de tecnologias como energia solar e adotando outras medidas de preservação do meio ambiente.

De acordo com o Secretário Executivo de Administração Josaias Santana, o financiamento contraído será utilizado para investir na estrutura física e tecnológica do novo centro administrativo e na capacitação de recursos humanos do município. “Esta ação visa modernizar a gestão municipal e o próximo passo é enviarmos o projeto financeiro para o BNDES”, expôs Josaias Santana. As obras do Centro de Cidadania estão previstas para ser iniciadas até o segundo semestre deste ano. Para dar celeridade aos processos, as licitações serão feitas imediatamente, com o objetivo de minimizar os prazos de execução do projeto e atender o período de vigência do financiamento.  

Thirza Santos ASCOM PMP