RedeGN - Câmara de Petrolina recorre ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para resolver impasse da ocupação do prédio

Câmara de Petrolina recorre ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para resolver impasse da ocupação do prédio

Na manhã desta sexta-feira (6), a Justiça negou ao grupo denominado ‘Resistência Petrolinense’ o pedido de habes corpos solicitado pela defesa dos manifestantes. O grupo, que permanece acampado na Câmara de Vereadores de Petrolina queria garantir o direito de permanecer na Casa Plínio Amorim.

Já a Assistência Jurídica da Câmara recorreu ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para desocupar o prédio público. A presidência espera que, o parecer favorável seja expedido. 

Ascom PMP