RedeGN - Radialista cobra melhor estrutura na Ilha do Rodeadouro

Radialista cobra melhor estrutura na Ilha do Rodeadouro

O narrador esportivo Marcos Bastos, atualmente radicado em Salvador, esteve recentemente na Ilha do Rodeadouro e feliz com a padronização das barracas compartilhou esta felicidade com colegas cronistas da capital e de outros estados, convidando-os para conhecer o balneário em Juazeiro.

No último feriado da Proclamação da República, 15 de Novembro, o colega radialista retornou à ilha e desta vez, para sua surpresa e de milhares de pessoas que optaram pelo mesmo espaço de lazer, uma fila quilométrica se formou para o retorno ao povoado, provocando transtornos e uma série de aborrecimentos.

Marcos Bastos reclamou da área de estacionamento no povoado sem cobertura e sem um espaço público e do fato de apenas duas barcas realizarem a travessia em dia de grande movimento.

Ele esclareceu que demorou mais de duas horas para realizar a travessia e estranhou que por volta das 16 e 45h, os salva-vidas já estavam retornando para a cidade, ficando o restante dos frequentadores sem este amparo dos profissionais do Corpo de Bombeiros, tendo em vista que a travessia é feita até às 18 horas.

Dizendo ser apenas uma crítica construtiva, Marcos Bastos solicitou providências por parte dos organismos responsáveis pela fiscalização e controle na ilha do Rodeadouro.