RedeGN - ESPAÇO DO LEITOR: O DESCASO DA PONTE II

ESPAÇO DO LEITOR: O DESCASO DA PONTE II

Geraldo,

Este é um assunto por demais comentado, então chamo à atenção da classe política de Juazeiro. Não, hoje chamo atenção da região como um todo, prefeitos, vereadores das duas cidades, deputados e demais autoridades. Estive pessoalmente visitando as obras das rampas de acesso a ponte Presidente Dutra e a descida em Juazeiro à noite, meus amigos, é um perigo só.

É da máxima urgência que uma medida seja tomada por quem de direito. Da forma em que está sendo feita (já foi feita), as famílias petrolinenses e juazeirenses tomem o máximo de cuidado. As duas cidades se fundem em uma, nas noites pelas baladas que se realizam em ambas. Pela madrugada nossos jovens retornam, e quem vem de Petrolina e precisar do acesso a Juazeiro, só poderá fazê-lo (descer) com mais ou menos 20 km de velocidade. Aquilo mais parece o plano inclinado de Salvador. Sou espiritualista e positivista, mas daquela maneira não tem como não prever acidentes, está tudo muito perigoso, muitas famílias vão chorar seus mortos, pois é um chamariz para acidentes, vai ser tanto carro voando em direção aquela torre de alta tensão da Chesf!

Seria bom que as promotorias públicas de Juazeiro e Petrolina, unidas, pudessem barrar aquela obra bizarra ou pelo menos colocar mais segurança. Caso contrário, vamos só aguardar os acontecimentos.

José Gomes de Sá