RedeGN - Projeto desenvolvido na Educação Infantil de Petrolina estimula alimentação saudável

Projeto desenvolvido na Educação Infantil de Petrolina estimula alimentação saudável

Nas Escolas, CMEIS e Novas Sementes de Petrolina, a ludicidade é um instrumento poderoso no processo de ensino-aprendizagem. As crianças se divertem, brincam e aprendem ao mesmo tempo através dos diversos projetos pedagógicos desenvolvidos na Educação Infantil. Nesse sentido, a Prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, promoveu esta semana a culminância de mais um trabalho realizado com os estudantes. De forma atraente e educativa, as Instituições de Ensino abordaram a alimentação saudável, visando fortalecer o desenvolvimento pleno dos alunos por meio de bons hábitos.

Utilizando os mais variados recursos, as equipes pedagógicas das Unidades trabalharam o tema de modo teórico e prático oferecendo uma ampla gama de atividades relacionadas ao projeto, a exemplo de pinturas, colagens, contação de histórias, piqueniques, degustação de frutas e verduras. Durante a saborosa atividade, que motivou os alunos a experimentar vários alimentos, foi realizada também uma simulação dos pequenos percorrendo uma feira livre.

A professora da Unidade do Nova Semente Joana Antônia da Silva, no N-6, Daniela de Assis Oliveira, destacou que o tema alimentação é motivo de preocupação entre pais e educadores, afinal as crianças são, constantemente, expostas a uma vasta diversidade de produtos que estimulam hábitos inadequados.

"Como a formação de hábitos se dá desde cedo, as boas práticas alimentares devem ser vivenciadas também na escola, espaço privilegiado de construção de conhecimento. O consumo de alimentos como frutas, verduras e legumes, com a participação ativa da criança, amplia seu paladar, a aceitação dos alimentos, ajuda a criança a fazer escolhas e a manter hábitos saudáveis na vida adulta. A escola é um espaço privilegiado para a promoção da saúde e desempenha papel fundamental na formação de valores, hábitos e estilos de vida, entre eles o da alimentação",explicou Daniela.

Ascom PMP