RedeGN - Ciclismo ganha destaque com aumento de adeptos em busca de saúde e qualidade de vida

Ciclismo ganha destaque com aumento de adeptos em busca de saúde e qualidade de vida

Ciclismo: para os adeptos são inúmeros benefícios, desde a condição do próprio emagrecimento, até na melhora do condicionamento cardiorrespiratório, ganho de massa muscular, melhora da autoestima, melhora da saúde geral, do índice de triglicérides e colesterol, diminuição da pressão arterial e redução do quadro glicêmico.

A bicicleta tem ganhado as ruas e cada vez mais adeptos de trilhas realizadas na zona rural das cidades Outros começaram a usar bicicletas como meio de transporte alternativo. Todos apontam o quanto é possível uma vida mais saudável a partir da prática de exercícios físicos e ciclismo.

Em Juazeiro e Petrolina tem sido comum ciclistas nas ruas e avenidas. Na pandemia da Covid-19, o número de interessados em padalar aumentou. São vários os novos grupos de trilhas e passeios em bicicletas. Com o fechamento de academias em cumprimento às medidas restritivas, muitas pessoas passaram a adotar o ciclismo como forma de atividade física e lazer.

Em João Pessoa, Paraíba, muito antes da pandemia, o graduado em Ciências Contábeis, Rogério Emanuel Paiva Barbosa, 38 anos, se apaixonou pela prática do ciclismo. Ex-fumante, pesava cerca de 116 quilos. Com esforço e determinação hoje, Rogério está com 83 quilos, faz trilhas, passeios e percursos para ciclistas avançados. A meta de Rogério ainda este ano é participar de competições esportivas que reúne ciclistas de vários estados do Nordeste.

A procura de Rogério foi pela saúde, fugir do estresse e a sensação de liberdade, pois o ciclismo é uma atividade ao ar livre com sol, sem necessidade de estar em contato próximo ou direto com risco de contaminação.

Em Juazeiro, Bahia, o empresário Josevaldo Silva, também em busca de melhorar a saúde fez do ciclismo uma atividade física e diz que o esporte tem conquistado espaço, principalmente durante a pandemia do novo coronavírus. "Benefícios para a saúde, com a prática de exercícios físicos, e para o meio ambiente estão também entre os pontos que favorecem a busca pelo esporte", avalia Josevaldo.

Em Petrolina, a movimentação de bicicletas nas ruas ganhou inclusive faixas, espaços que contribuem com a mobilidade urbana. Uma das trilhas preferidas em Petrolina é ir para o Serrote do Urubu.

Na avaliação do infectologista e professor, Fernando Bellíssimo Rodrigues, a busca pelo ciclismo foi uma boa alternativa. É um “excelente exercício para ser feito durante a pandemia”, já que, normalmente, é realizado ao ar livre e de maneira individual. Mas, adianta Bellíssimo, mesmo que “seja feito de maneira coletiva, a possibilidade de transmissão dessa doença (covid-19) ao ar livre é muito remota”. 

O professor lembra ainda que o benefício de andar de bicicleta alcança o meio ambiente, evitando a queima de combustíveis fósseis, responsáveis pelo aumento da “concentração de CO2 na atmosfera e o aquecimento global”.
 

Redação redeGN Fotos Ney Vital