RedeGN - Em coletiva, nesta manhã (18), Suzana destaca pontos da sua atuação e diz que vai bater na porta dos governos estadual e federal 

Em coletiva, nesta manhã (18), Suzana destaca pontos da sua atuação e diz que vai bater na porta dos governos estadual e federal 

Numa coletiva de imprensa realizada nesta manhã, no Rapport Hotel, em Juazeiro, Suzana Ramos (PSDB), prefeita eleita no último domingo (15) falou sobre a corrida eleitoral, que resultou na sua vitória, e destacou, respondendo a perguntas de jornalistas, quais os principais pontos da sua atuação como gestora. O ex-prefeito Jospeh Bandeira, o vice, Leonardo Bandeira e o deputado estadual Roberto Carlos completavam a mesa.

Suzana, eleita na condição de primeira mulher a governar Juazeiro, destacou que pretende valorizar a atuação feminina e afirmou que “várias mulheres” estarão na sua equipe: “Vai ter várias mulheres no meu governo, não tenha dúvida disso. A gente vai valorizar muito as mulheres”, reportou.

Questionada sobre a questão da pandemia, Suzana disse que essa é uma preocupação do seu governo e que já está montando uma equipe para tratar desse tema: “Uma preocupação nossa com certeza é a saúde, esse momento de pandemia não acabou, nós sabemos que o povo está nas ruas, nós passamos por isso nas eleições, mas a gente já formando a nossa equipe e temos muita preocupação em relação a isso”, disse.

De acordo com Suzana, a sua votação foi o resultado da insatisfação da população com o atual modelo de gestão: “Há muito tempo o povo de Juazeiro não tem um governo voltado para o povo, e o nosso governo eu prometo que será do povo”, disse.

Suzana argumentou que pretende ir em breve a Brasília e que não se furtará a bater na porta do governo federal em busca de recursos para Juazeiro, destacando ainda que também vai conversar com o governo estadual, “que tem um representante nesta mesa”, disse, apontando o deputado Roberto Carlos.

Suzana prometeu fortalecer a cultura, acabar com a “privatização do carnaval” e que fará todo esforço para assumir seus compromissos com a população: “Tudo que eu falei vou correr para cumprir”, disse, lembrando que chegou ao governo com o apoio de muitas lideranças, mas que serão delas as decisões: “Eu vou deixar bem claro para Juazeiro que eu tenho nome, sou uma mulher aguerrida, todo mundo terá participação, mas a caneta é minha”.

Havia uma expectativa do anúncio de nomes da comissão de transição de governo, mas Suzana disse que essa comissão ainda não está formada, ficando para um próximo momento.

Da redação redeGN