RedeGN - Golpe usa nome do ministério da saúde para clonar celular, alerta delegado de crimes cibernéticos

Golpe usa nome do ministério da saúde para clonar celular, alerta delegado de crimes cibernéticos

O delegado Eronides Mendes Júnior, titular da delegacia de crimes cibernéticos da polícia civil de Pernambuco postou em redes sociais alerta para a população sobre golpistas que utilizam o nome do Ministério da Saúde para clonar WhatsApp das vítimas.

O ministério realiza consulta via telefone perguntando sobre o COVID-19, através de um sistema automatizado, via robô. Os golpistas gravaram a ligação e acionam as pessoas e, no final do questionário, enviam um código para supostamente validar o cadastro. Trata-se de um código de instalação do whatsapp que ao ser fornecido será clonado e o aplicativo deixa de funcionar no telefone da vítima.

Segundo Eronildes, as pessoas que forem acionadas por telefone pelo Ministério da Saúde não devem repassar código ao final da pesquisa sobre o estado de saúde da população devido à pandemia e estar atentas aos números de origem.

 "O Ministério liga do número 136 ou 0136, se receber de um número privado ou de celular, pode estar certo que é golpe". Ele adverte que se receber ligação de qualquer outro número deverá desligar e ignora. Também não envia código pedindo validação. A chamada de qualquer outro número ou de um celular deve ser ignorada, recomenda o delegado.

Confira o vídeo:

Redação redeGN Blog Foto Divulgação Policia Civil