RedeGN - Aglomeração leva governo municipal a decretar fechamento do comércio e das feiras de Juazeiro (BA)

Aglomeração leva governo municipal a decretar fechamento do comércio e das feiras de Juazeiro (BA)

As medidas gerais e em particular tomadas pelos prefeitos de Juazeiro e Petrolina, que incluem o reforço da prevenção individual com a etiqueta respiratória (como cobrir a boca com o antebraço ou lenço descartável ao tossir e espirrar), o isolamento domiciliar, e ficar em casa, evitar aglomerações, além da recomendação para que pacientes com casos leves procurem os postos de saúde, que se viu neste sábado 21, em uma das feiras de Juazeiro, deve chamar a atenção das autoridades.

Centenas de pessoas frequentando a feira em Juazeiro o que provoca um risco. O alerta que os vírus respiratórios se espalham pelo contato, por isso a importância de evitar locais públicos e aglomerações, pelo visto "não provoca o sentimento de alguns juazeirenses", que preferem igonar as recomendações para previnir os contágios.

Além de não frequentar feiras é preciso fazer uso da prática da higiene frequente, a desinfecção de objetos e superfícies tocados com frequência, como celulares, brinquedos, maçanetas, corrimão, são indispensáveis para a proteção contra o vírus. 

Até mesmo a forma de cumprimentar o outro deve mudar, evitando abraços, apertos de mãos e beijos no rosto. Essas são as maneiras mais importantes pelas quais as pessoas podem proteger a si e sua família de doenças respiratórias, incluindo o coronavírus e o H1N1

Na última quinta feira 19, prefeito de Juazeiro Paulo Bomfim, acompanhado da secretária da Saúde Fabíola Ribeiro, se reuniu com o prefeito de Petrolina Miguel Coelho, para aprofundar o diálogo das duas importantes cidades no combate a expansão do coronavírus e H1N1.

Ficou acertado que as equipes de saúde dos dois municípios também irão estreitar a relação já existente e compartilhar as informações sobre os casos. De acordo com os prefeitos, o objetivo é um só: evitar o avanço do coronavírus na região e proteger a população do Vale do São Francisco.

Durante reunião que aconteceu no Paço Municipal (21) o prefeito Paulo Bomfim informou que oficialmente a portaria será publicada no Diário Oficial segunda-feira (23), contudo, já é certo que o comércio vai fechar sete dias e os mercados e feiras livres também a partir do dia 24. Uma equipe da Semaurb esteve na Feira Livre de Juazeiro e determinou o encerramento da comercialização já neste sábado.

Confira as decisões da gestão municipal:

REUNIÃO 21/03

- Determinar fechamento do comércio por sete dias, a partir do dia 24/03/2020, mantendo abertos apenas supermercados, mercadinhos, padarias, açougues, casas de rações, defensivos agrícolas, preservando o distanciamento e limite máximo de pessoas em cada ambiente. Este prazo será reavaliado, podendo ser prorrogado a qualquer tempo;

- Determinar que farmácias, mercadinhos, casas da reações e supermercados disponibilizem álcool em gel 70% para higienização dos clientes; 

- Determinar o fechamento das feiras livres e camelódromo a partir do dia 24/03/2020;

- Determinar o fechamento dos bares e restaurantes a partir do dia 24/03/2020, permitindo o funcionamento apenas para o serviço delivery;

- Restringir o acesso ao Marcado do Produtor a partir do dia 24/03/2020, impedindo a entrada de caminhoneiros oriundos de cidades com casos já confirmados de COVID-19.

- Determinar que a direção da AMA limite e divulgue o número de caminhões e carrinheiros que terão acesso por período; 

- Solicitar aos órgãos estaduais e federais o controle das rodovias de acesso a Juazeiro, impedindo a entrada de pessoas oriundas de cidades com casos já confirmados de COVID-19;

- Determinar o fechamento de salões de beleza e centros estéticos a partir do dia 24/03/2020;

- Rcomendar ao Governo do Estado o fechamento da rodoviária de Juazeiro a partir do dia 24/03/2020;

- Recomendar que o Governo do Estado proíba o acesso de vans e ônibus do transporte alternativo/complementar à cidade a partir do dia 24/03/2020;

- Determinar a higienizados dos ônibus que transportam os trabalhadores das fazendas da região de Juazeiro, assegurando o distanciamento mínimo de um metro entre eles.

- Determinar que os profissionais de Saúde devem ter livre circulação com apresentação de documento trabalho;

- Suspender a cobrança do Zona Azul, a partir do dia 24/03/2020, até o dia 31 de março de 2020;

- Determinar a suspensão do atendimento ao público nas secretarias municipais, excuindo a Secretaria de Saúde, SAAE, SEFAZ e situações emergenciais.

Redação redeGN/Blog Geraldo José Foto Redes Sociais