RedeGN - Espaço do Leitor

Outros Destaques

Política

Espaço do Leitor

ESPAÇO DO LEITOR: A CUÍCA TEM QUE RONCAR!

A sociedade não suporta mais a frouxidão do Estado. Estamos no exercício da anarquia desenfreada. Não se teme às leis. Matam juízes, promotores, policiais militares, prefeitos e vereadores, como se pisoteia uma barata. Os facínoras têm as autoridades constituídas como uma coisa efêmera, sem importância.

Exterminam a vida de autoridades em plena luz cristalina do sol, quanto mais as das pessoas do povo desprotegidas. Com quaisquer duzentos reais, e até menos, tira-se a vida de um pai de família. Veja, por favor, se é certo que bandidos penetrem nos quartéis das Forças Armadas e furtem dos paióis suas armas e explosivos, bem como arrombem seus cofres, na maior tranquilidade? Não somente os juízes e promotores de justiça merecem a segurança contra os facínoras, mas também a cidadania, o estado de direito e a nossa soberania; esta anarquia reflete mal no exterior...

ESPAÇO DO LEITOR: ONDE ESTÁ O DINHEIRO DA PRAÇA DA JUVENTUDE?

Leitora do blog questiona a paralisação das obras de construção da Praça da Juventude em Juazeiro, depois de evento festivo realizado pelo prefeito Isaac Carvalho, para o lançamento da pedra fundamental do equipamento na Malhada da Areia. Confira:

Caro Geraldo,..

Espaço do Leitor: A inconstitucionalidade da votação secreta pelo legislativo das contas anuais do chefe do executivo

Um país que se autoafirma com sendo democrático de direito logo no seu primeiro artigo do “texto magno”, não pode ter como regra o sigilo nas votações. Ao contrário, a regra geral é a votação em aberto, em consonância com o princípio da publicidade, previsto no art. 37 da Constituição Federal de 1988, que é aplicável a todos os poderes da república, em todos os níveis de governo. Assim, o sigilo só pode prevalecer nos casos em que a Constituição Federal expressamente prevê.

Por outro lado, o voto secreto é uma garantia fundamental apenas do eleitor, que não deve sofrer qualquer constrangimento, e, ao mesmo tempo, evita a possibilidade de compra do voto, o que garante a sua total liberdade de escolha...

ESPAÇO DO LEITOR: ATÉ QUANDO?

 
Prezado Geraldo,
 
Gostaria de Saber do Poder Público até quando os moradores da Avenida Engenheiro Manoel Borges, que faz a Ligação entre os bairros João Paulo II e Parque Residencial, vão ter que conviver com buracos, esgoto e Lama?
 
A situação esta insuportável, quando acumula muita lama nos buracos, os carros que transitam por aqui acabam enchendo as calçadas e portões das residências de lama. O mais Interessante é que o boleto com a cobrança do IPTU, todos os anos chega para pagamento, e este dinheiro onde está sendo aplicado?
 
Peço providências a quem é de direito!
 
Murilo Ricardo - João Paulo II
..

ESPAÇO DO LEITOR: A GRANDE CONQUISTA DO IFET E A TENTATIVA DE DESQUALIFICÁ-LA

Juazeiro recebeu nesta terça-feira, dia 16, uma excelente notícia. A chegada de um campus do IFET representa muito para todos que fazem e têm compromisso com a educação da nossa cidade, numa comprovação prática de que anos e anos de atraso e descaso começam a ser superados.

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia se constitui num riquíssimo e incontestável instrumento de promoção de avanços econômicos para o município, favorecendo a qualificação da mão-de-obra local e oportunizando aos jovens concretas possibilidades de formação profissional e ascensão social. O caminho para um sociedade mais equânime, como sabemos, é pavimentado pela educação...

ESPAÇO DO LEITOR: "NÃO SE MUDA DA NOITE PARA O DIA O QUE MUITO TEMPO ESTRAGOU"

O governo da mudança em nossa Juazeiro, sempre iludida e enganada pelos políticos, parece ganhar fôlego: Inaugurações importantes, obras iniciadas e anunciadas é o governo da mudança melhorando.

Agora, durante a Fenagri, uma música no serviço de som local, repetida inúmeras vezes enquanto a comitiva de autoridades visitava a feira, chamou à atenção de muitos: Uns diziam é a música da mudança, muito bonita, quem fez? Quem canta? Outros torciam o nariz e cochichavam: a música é forte, mas a mudança é fraca e a música não parava de tocar e a dúvida no ar?..

ESPAÇO DO LEITOR: CACHORROS CONTINUAM TIRANDO O SOSSEGO DA POPULAÇÃO DE SENTO-SÉ

Venho mais uma vez neste site reclamar sobre o que vem acontecendo em Sento-Sé, ultimamente.

Em nossa cidade não tem uma equipe de zoonoses ou vigilância sanitária atuante, "não sei nem se isso existe em Sento-Sé"...

ESPAÇO DO LEITOR: FERROVIA TRANSNORDESTINA - ONDE SERÁ RENTÁVEL?

Há quem diga ser a construção da ferrovia Transnordestina resposta a uma demanda da multinacional BUNGE ALIMENTOS, que está instalando um grande complexo agro-industrial no Piauí, mais precisamente no município de Uruçuí, que beneficiará  a soja produzindo óleo refinado, gorduras vegetais e rações  para animais. Como justificar vultosos investimentos, se a soja produzida no Piauí e Maranhão  de há muito é escoada através dos canais já existentes? Analisemos: Portos do Norte e Nordeste já respondem por 10% da produção desta leguminosa. São os seguintes os portos escoadores :  Região Norte – Itacotiara, no Amazonas e Santarém no Pará. No Nordeste - Complexo Portuário de S. Luís do Maranhão que, além de escoar soja do sul do estado, do norte do Tocantins, pequena safra do Pará, parte da soja produzida na Bahia e de Mato Grosso em torno de 75 mil toneladas, exporta ferro de Carajás. Segundo o Cepea(Centro de Pesquisa Avançado de Economia Aplicada), existe uma tendência de se aumentar o escoamento desta oleaginosa, através dos portos do Norte e Nordeste, uma vez ser notório o esgotamento da infraestrutura do Sul/Sudeste, alem do limite do calado nos portos das referidas regiões.

Além destes portos são também utilizados o Pecém no Ceará, e o acanhado porto Luís Correa, no Piauí - escoadores de parte da soja do Maranhão e do Piauí...

ESPAÇO DO LEITOR: SANTA CASA... ABAIXO ESSA MENTIRA

A propósito da reabertura da Santa Casa, em Juazeiro, a gente percebe uma manobra que, além de ultrapassada, fere mortalmente a inteligência do povo juazeirense. Ora vejam: existia uma policlínica em um prédio público na orla, que servia muito bem a população e não gerava outras despesas adicionais para a sua operacionalidade, uma boa reforma, talvez até um primeiro andar,  “sem superfaturamento, é claro”, o que representaria investimento no patrimônio público e otimização no serviço de saúde oferecido pelo município.  Mas, o que faz a estupidez administrativa pública do nosso governo?  Gasta, sabe-se lá quanto, com a reforma de um hospital, que também pela incompetência continua fechado, paga-se um aluguel que poderia ser usado para outros interesses, sérios, além de manutenção, materiais, pessoal enquanto o prédio de propriedade do município que não representaria 1/3 do custo do funcionamento da tão decantada policlínica, atendendo as mesmas necessidades encontra-se entregue as moscas com funcionamento, precário, de um pequeno espaço para atendimento odontológico.

Enquanto isso, tome-lhe propaganda da reabertura da Santa Casa que nunca mais fez um parto, nenhum internamento, funcionamento de UTIS já não mais existe, intervenções cirúrgicas de maior atenção idem, enfim essa casa nunca foi reaberta e sim transformada em massa de manobra política de um governo que se debruça sobre um passado pífio, com o que concordo, para cometer toda sorte de mentiras para iludir a fé pública...

ESPAÇO DO LEITOR: MORADORES DO JOÃO XXII DENUNCIAM QUE ÔNIBUS ESTÁ ATRAPALHANDO O TRÂNSITO

Geraldo,

Nós moradores da rua da Caixa, bairro João XXIII, solicitamos através do seu blog aos fiscais de trânsito da Prefeitura de Juazeiro que possam acionar os responsáveis de uma revendedora de veículos cujo ônibus está estacionado há mais de dois meses em cima da calçada, na entrada da rua, tirando toda visibilidade dos motoristas e podendo provocar acidente a qualquer hora...

ESPAÇO DO LEITOR: JUAZEIRENSE REITERA QUESTIONAMENTOS SOBRE OBRA PARADA NO JOÃO PAULO II

Caro Geraldo José

No dia 24/07, utilizei-me deste espaço para apresentar à sociedade juazeirense a situação em que se encontrava a construção da quadra poliesportiva dos bairros João Paulo II, Antônio Guilhermino, Vila Nova fé e Parque Residencial, inclusive questionei, na qualidade de cidadão, o quanto em dinheiro já havia sido utilizado para tão pouco construído.

Sem querer incomodar, mais uma vez, peço licença para reapresentar os questionamentos, como forma de lembrar e provocar a manifestação de quem de direito...

ESPAÇO DO LEITOR: FENAGRI X EDUCAÇÃO

A feira nacional da agricultura na forma em que foi estruturada na ultima edição alem de evidenciar o potencial econômico e cultural de Juazeiro, detectou a necessidade de abrir espaço para profissionais de agricultura e turismo obscurecido e às vezes marginalizados pelos gestores que roubavam a cena do técnico já habituado a se manter na retaguarda. Isto não é bom; como também não é saudável o inverso. Isto é: a superposição do técnico sobre o político. O ideal é os dois agindo em unidade: político x técnico x político. Quando possível ter uma pessoa com ambas qualidades. É ai que nós apostamos na mudança e começamos a respirar aliviados ao ver que Juazeiro começa a soltar as amarras do desenvolvimento com os frutos da paciência e da tenacidade do gestor que passa o exemplo de segurança de atitude nas ações planejadas.

Parabéns senhor prefeito siga em frente, tendo, contudo o cuidado de romper a blindagem contra a sociedade civil organizada imposta não interessa saber por quem. A propósito do titulo do nosso editorial, com cuidado de professor que nunca se aposenta da cátedra especialmente quando se é extensionista nato. Pergunto: será que as nossas escolas de nível médio e superior não sentiram nos temas abordados na Fenagri o aproveitamento mínimo do profissional nosso no mercado de trabalho? A necessidade de adequar os currículos das disciplinas às necessidades regional e nacional especialmente nas ciências agrárias? Ai eu priorizo a agricultura irrigada e a extensão rural. Uma, por ser a vocação natural da região; e a outra porque tem o dever de levar os conhecimentos técnicos e científicos às camadas de baixa renda que não tiveram o privilegio de alisar os bancos da escola pública tão cara e pouco eficiente nas praticas cientificas...

ESPAÇO DO LEITOR: DOIS GRANDES EVENTOS

Caro Geraldo José,

Pode passar despercebido pelos insensíveis de sempre, mas não posso deixar de registrar dois significativos eventos ocorridos na noite de ontem (10), na nossa querida Juazeiro. A solenidade de certificação do curso de especialização em coordenação pedagógica para quase 50 profissionais do ensino público municipal promovido pela secretaria de educação da prefeitura de Juazeiro e ministrado pela UFBA e a celebração da missa solene pelo aniversário de reabertura da Santa Casa, agora transformada numa grandiosa policlínica...

ESPAÇO DO LEITOR: JUAZEIRENSE SONHA COM O MEMORIAL JOÃO GILBERTO

 

Geraldo José e amigos,
 
Durante as comemorações dos 80 anos de João Gilberto, aqui em Juazeiro, com as presenças luminosas de João Bosco, maestro Aderbal Duarte e a contora/compositora paulista Regina Benedetti, apesar das críticas e desconfianças, eu afirmei que o lendário guitarrista Eric Clapton era amigo de João e Jon Hendricks outra lenda viva do jazz, havia gravado um disco em homenagem ao pai da bossa nova.
 
João Gilberto não gosta que a gente fale o que a gente fala com ele, mas em uma das nossas raras conversas ele me falou da solidariedade de Eric Clapton no caso entre ele e a gravadora inglêsa emi-odeon.
 
Está surgindo a possibilidade da implantação do "Memorial João Gilberto" eu prefiro Casa de Cultura João Gilberto. Recebí inúmeros e-mails do Japão, Europa e Estados Unidos, Juazeiro pode estar mesmo em um possível roteiro turístico internacional de cultura "in", juntando com o "vapor do vinho" estaremos no "mapa-mundi", gerando emprego e renda; antes é claro, precisamos acreditar e lutar muito, melhorar significativamente nossa rede hoteleira, serviços, restaurantes. A natureza nós já temos, cultura poderemos ter.
 
É uma pena, em Juazeiro tudo esfria muita rápido, mas a "felicidade é uma arma quente" e sonhos não desistem, ainda seremos uma cidade bossa nova de pura MPB, para o mundo respeitar e conhecer - rimas e vamos remando.
Estou passando este e-mail para gente do mundo inteiro.
 
abraços
 
Maurício Dias
..

ESPAÇO DO LEITOR: JUAZEIRENSE MANIFESTA DECEPÇÃO COM A CÂMARA MUNICIPAL

Nobre Blogueiro,

Pela Primeira vez assisti a uma sessão da Câmara de Vereadores de Juazeiro e como diz o ditado popular “a primeira impressão é a que fica”. Pois bem, a impressão que eu tive foi de pessoas mal educadas, que não davam atenção quando o colega fazia o uso da tribuna, conversando o tempo todo, fazendo piada, uma verdadeira escolinha do professor Raimundo, e o pior é que toda aquela falta de respeito e educação é bancada por nós cidadão que pagamos impostos para ver a bagunça que presenciei hoje (terça-feira 09). As fotos em anexo comprovam o que eu relatei...

ESPAÇO DO LEITOR: QUASE VIREI “DE-CUJUS”!

Superstição, agouro ou presságio, fato é que no dia 5 de agosto, às 5 horas da manhã, por pouco eu não passei a morar no canzuá-de-quimbe (casa dos mortos)!

Retornando do “cooper” matinal em direção à minha residência, banhado pelo conjunto de gotas de orvalho que insistia em cair e que ainda namoravam com o lusco-fusco alvorecente, bateu-me, de opino em meu cérebro, a abelhudice, despertando-me para o fato de que a Ponte Presidente Dutra, com seus “brincos” seria reinaugurada naquele mesmo dia, com o comparecimento da Presidenta da República, Dilma Roussef...

ESPAÇO DO LEITOR: PORQUE EM JUAZEIRO TEM QUE SER ASSIM?

Vista de Juazeiro da orla de Petrolina

O juazeirense parece mesmo desprezar o que é verdadeiramente seu, suas conquistas e o próprio brilho humano que era obviamente sua força tempos atrás. Hoje, Juazeiro é uma cidade grande e torta, de poucas alegrias e festas artificiais e bobas, uma cópia fajuta do que acontece em Salvador. O carnaval já foi lindo, acabou, São João também, Fenagri não envolve mais e a cultura ficou no passado...

ESPAÇO DO LEITOR: ELEITORA DIZ QUE O PT ESTÁ “USANDO” O GOVERNO ISAAC

Meu Caro Repórter,

Tinha prometido a mim mesmo não mais escrever para esse blog nem outro qualquer, nem me envolver mais em política, contudo sou brasileira (graças a Deus) e como tal, não fico calada e fora de política por muito tempo, dai porque estou retornando ao blog para o seguinte comentário, que me deixa irritada e deixaria muito mais se não repassasse para você e para o público. Vejamos então...

ESPAÇO DO LEITOR: VERGONHA! VERGONHA! VERGONHA!

Geraldo,

Esta “obra” deste desastroso governo que eu acreditando, como muitos juazeirenses ajudamos a construir, nos faz relembrar um velho adágio popular: “Descobrir um santo para cobrir outro”. Vergonhoso! Utilizar a areia da marginal do logradouro, fazer crateras em toda a sua extensão a fim de calçar a rua, certamente para economizar areia. E quando chover? É vergonhoso, ninguém agüenta mais estes irresponsáveis...

ESPAÇO DO LEITOR: CRÍTICAS À LEI 12.403/2011 (LEI DO DESENCARCERAMENTO)

O indivíduo, vivendo sozinho e em plena liberdade, percebeu que sua condição solitária o tornava vulnerável ante aos perigos da natureza. Por esse motivo, resolveu unir-se aos seus semelhantes e viver em sociedade, como forma de se tornar mais forte e de poder enfrentar os desafios naturais.

Para viver em sociedade, os indivíduos celebram um pacto, o de limitar seu espaço de liberdade para que os direitos de cada um fossem respeitados. Surge, aí, a responsabilidade como elemento de coesão social, onde aquele que viola o direito do outro é punido para garantir a permanência da organização social...

Imagem Ilustrativa Google

ESPAÇO DO LEITOR: HOMENAGEM PÓSTUMA

MARCELO ROBERTO HIPÓLITO SAMPAIO

+ 30/07/2011..

ESPAÇO DO LEITOR: O DESCASO DA PONTE II

Geraldo,

Este é um assunto por demais comentado, então chamo à atenção da classe política de Juazeiro. Não, hoje chamo atenção da região como um todo, prefeitos, vereadores das duas cidades, deputados e demais autoridades. Estive pessoalmente visitando as obras das rampas de acesso a ponte Presidente Dutra e a descida em Juazeiro à noite, meus amigos, é um perigo só...