RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 30 registros para a palavra: toquio

Samira Brito fica fora do pódio nas finais do atletismo paralímpico em Tóquio, mas traz muito orgulho para o Vale do São Francisco

Não foi dessa vez que a paratleta Samira Brito, que está representando o Vale do São Francisco nas Paralímpiadas de Tóquio 2020, subiu ao pódio e trouxe uma medalha olímpica. Na prova dos 100m rasos feminino T36 para paralisados cerebrais, Samira que faz parte da Associação Petrolinense de Atletismo (APA), terminou na sétima colocação.

Em Tóquio, a paratleta havia garantido a classificação para final com o sétimo tempo, 15s05, nos 100m rasos feminino T36. Na briga pela medalha, a brasileira competiu pela raia dois e novamente foi sétima colocada, desta vez, em 15s27. Na prova, a chinesa Shi chegou na primeira posição com direito a recorde Mundial Paralímpico (13s61). A medalha de prata ficou com Ivanova do Comitê Paralímpico Russo (14s60). Aitchison da Nova Zelândia chegou ao pódio (14s62)...

Petrolina está bem representada nos Jogos Paralímpicos de Tóquio

Prestes a completar 126 anos de emancipação política, no dia 21 de setembro, o município de Petrolina tem muito que comemorar. Um dos motivos é o incentivo e valorização ao esporte em todas as modalidades. Dos destaques mais recentes, a cidade conta atualmente com a referência em paratletismo, Samira Brito, que está em Tóquio, no Japão, participando das paralímpiadas. Na mala de viagem, a esportista de 31 anos, carregou além dos sonhos e expectativas, a bandeira de sua Terra Natal que tanto ama.

As competições tiveram início no dia 24 de agosto e seguem até o dia 5 de setembro...

Baianos disputam os Jogos Paralímpicos de Tóquio, a partir desta terça-feira (24)

Os Jogos Paralímpicos de Tóquio começaram oficialmente nesta terça-feira (24) e seguem até o próximo dia 5 de setembro. O Brasil será representado por 259 atletas (incluindo atletas-guia, calheiros, goleiros e timoneiro) que vão disputar 20 das 22 modalidades esportivas. Nove baianos representam o país nos Jogos, nas modalidades de paracanoagem, futebol de 5, halterofilismo e atletismo. 

A estreia do Brasil nos Jogos acontece já nesta terça-feira (24), primeiro dia oficial de competições do evento, com o time de goalball, em partida contra a Lituânia, às 21h (horário de Brasília). A seleção brasileira de futebol de 5, comandada pelos baianos Jefinho, Cássio e Gledson, começa a caminhada rumo a quinta medalha de ouro no dia 29, 11h, horário de Brasília.   ..

Jogos Paralímpicos de Tóquio começam nesta terça (24)

Começam nesta terça-feira (24) os Jogos Paralímpicos de Tóquio. Serão 13 dias em que atletas do mundo inteiro disputarão medalhas em 22 modalidades. Entre as estrelas do esporte paralímpico, estarão no Japão as nadadoras norte-americanas Jessica Long e McKenzie Coan e o alemão Markus Rehm, do salto em distância.

Estarão em ação a seleção australiana de rugby em cadeira de rodas, atual campeã paralímpica, e a até agora imbatível seleção brasileira de futebol de 5, quatro vezes medalhista de ouro. Só os brasileiros subiram no lugar mais alto do pódio desde a introdução da modalidade no programa paralímpico, em 2004...

Paralimpíada: em isolamento, brasileiros estão sem conseguir treinar

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) informou nesta terça-feira (10) que 52 integrantes do grupo que viajou ao Japão para a Paralimpíada de Tóquio, sendo 27 atletas, estão em isolamento total em Hamamatsu, cidade onde é feita a aclimatação antes do início dos Jogos, a 250 quilômetros da capital japonesa. Segundo a entidade, esportistas das seleções de natação, tênis de mesa, halterofilismo e goalball não estão podendo sair dos respectivos quartos de hotel, nem mesmo para treinar.

Nesta segunda-feira (9), o Comitê revelou que dois membros da delegação (não atletas) testaram positivo para o novo coronavírus (covid-19) na chegada ao Japão. Um deles estava com o grupo que viajou na quinta-feira (5) e teve a contaminação detectada no exame de PCR realizado ainda no aeroporto de Narita, em Tóquio, após apresentar resultados negativos nos três testes realizados na semana anterior ao embarque...

Paralimpíada: delegação brasileira em Tóquio tem 2 casos de covid-19

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) confirmou na manhã desta segunda-feira (9) que dois integrantes da delegação nacional, que já se encontra no Japão, testaram positivo para o novo coronavírus (covid-19). Nenhum deles envolve atletas, e ambos estão assintomáticos e em isolamento. 

O primeiro caso foi identificado logo após o exame PCR realizado no desembarque em Tóquio, na última sexta-feira (6). Embora tenha sido submetido a três testes nos sete dias anteriores ao embarque.  ..

Petrolinense que é esperança de medalha nos Jogos Paraolímpicos já está em Tóquio

Entre os dias 24 de agosto e 5 de setembro acontecem os Jogos Paralímpicos. Representando Pernambuco no Japão, há um total de 21 atletas, paratletas e treinadores. Ao todos os atletas participam das competições: natação, futebol, handebol, futebol de 5, vôlei, judô, atletismo, bocha, goalball e tênis de mesa. 

A atleta Samira Brito já se encontra em Tóquio e representa o Brasil nos Jogos Paralímpicos. Samira, que mora em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, é uma das 253 paratletas convocadas para o mundial...

Brasil fecha Olimpíadas de Tóquio na melhor posição da história no quadro de medalhas

O Brasil fechou com chave de ouro as Olimpíadas de Tóquio, hoje (8), ao alcançar a melhor posição da história no quadro de medalhas.

Sete ouros, seis pratas e oito bronzes (21 medalhas no total) em 12º lugar...

Seleção brasileira de futebol é bicampeã nas Olimpíadas de Tóquio

O roteiro de um ouro olímpico costuma ser escrito com doses de superação e de drama. E o Brasil viveu fortes emoções para ser bicampeão no futebol. Neste sábado, a Seleção Olímpica bateu a Espanha por 2 a 1, na prorrogação, após empate por 1 a 1 no tempo normal, e garantiu a medalha de ouro.

O Estádio de Yokohama, palco do pentacampeonato mundial, é novamente especial para o futebol brasileiro...

Tandara testou positivo para anabolizante, diz agência antidoping

Após o anúncio da suspensão provisória da jogadora brasileira de vôlei Tandara, a Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) afirmou nesta sexta-feira (6) que a atleta testou positivo para “ostarina”, substância do grupo de anabolizantes proibida em competições e fora delas também. 

A jogadora já embarcou de volta ao Brasil e não esteve presente na vitória sobre a Coreia do Sul, por 3 a 0, na semifinal das Olimpíadas de 2020 - o triunfo garantiu a seleção feminina na decisão contra os Estados Unidos pela medalha de ouro...

Paralimpíada: delegação brasileira inicia embarque rumo a Tóquio

A Olimpíada só termina neste domingo (8), mas a Paralimpíada de Tóquio (Japão), que inicia no próximo dia 24, já é realidade para cerca de 130 integrantes da delegação brasileira. Na madrugada desta quinta-feira (5), as seleções paralímpicas de natação, tênis de mesa, halterofilismo e goalball, além de membros das comissões técnicas, médica e administrativa, embarcaram rumo a sede dos Jogos.

O voo saiu do aeroporto de Guarulhos (SP) às 2h40 (horário de Brasília), com escala em Doha (Catar) antes da chegada em Tóquio. De lá, a delegação vai de ônibus até Hamamatsu, cidade a 250 quilômetros da capital japonesa, onde será feita a aclimatação do evento. Segundo o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o grupo fez dois testes PCR antes do embarque e será submetido a novos exames no país-sede da Paralimpíada...

Brasil e México decidem vaga na final de Tóquio

Os dois últimos campeões olímpicos do futebol masculino vão decidir quem continua sonhando com mais um ouro, nesta terça (3), às 5h (hora de Brasília), no estádio Kashima. O vencedor de Brasil e México vai à final dos Jogos de Tóquio contra Japão ou Espanha, que se enfrentam na outra semifinal.

O atacante Matheus Cunha sofreu uma contratura e é dúvida na seleção brasileira. O treinador André Jardine faz mistério quanto ao substituto, mas Paulinho e Reinier são as opções mais prováveis. “Treinamos uma opção, mas não vou abrir pra não facilitar a vida do México. Tenho certeza que a coletividade não sai prejudicada.”..

É OURO! Rebeca Andrade sobe no lugar mais alto do pódio em Tóquio


É ouro! Rebeca Andrade voltou a fazer história nos Jogos Olímpicos de Tóquio neste domingo, ao alcançar o topo do pódio no salto da ginástica artística. Antes, ela já tinha ficado com a prata no individual geral e se tornado a primeira ginasta brasileira a ganhar medalha em uma Olimpíada.

Rebeca somou 15.083 na média das duas apresentações. A americana Skinner (14,916) ficou com a prata, enquanto a sul-corena Seojeong Yeo fechou o pódio, com 14,733.
  ..

Seleção masculina de vôlei perde para Comitê Olímpico Russo e se distancia da ponta

A seleção brasileira de vôlei masculino perdeu nesta quarta-feira (28) para o Comitê Olímpico Russo por 3 sets a 0. Foi o primeiro tropeço da equipe nas Olimpíadas de Tóquio. Com a derrota, o Brasil fica na terceira posição do Grupo B, com cinco pontos. Os EUA assumem a vice-liderança, com seis, e os russos disparam na ponta, com nove.

O próximo jogo do Brasil, o penúltimo da fase de grupos, é contra os Estados Unidos. O duelo será às 23h05 (de Brasília) desta quinta (29)...

Ítalo Ferreira é campeão olímpico no surfe e dá 1º ouro ao Brasil em Tóquio

Ítalo Ferreira é o primeiro campeão olímpico da história do surfe. O brasileiro alcançou o feito na madrugada desta terça-feira e levou a medalha de ouro ao superar o japonês Kanoa Igarashi na final da modalidade nas Olimpíadas de 2020, realizada na praia de Tsurigasaki, por 15,14 a 6,60, concluindo uma participação praticamente perfeita na disputa. Na bateria decisiva, deu um show de manobras, mesmo após ter sua prancha quebrada logo no começo da bateria. 

A conquista faz Ítalo se consolidar como um dos grandes nomes da história do surfe na atualidade. Afinal, além de ser o primeiro medalhista olímpico de ouro da modalidade, também é o último campeão mundial, em conquista assegurada em 2019 - em função da pandemia do coronavírus, o campeonato não foi realizado no ano passado...

Rayssa Leal, de apenas 13 anos, é medalha de prata nas olimpíadas de Tóquio

Uma pequena gigante escreveu seu nome na história dos Jogos Olímpicos no início da madrugada desta segunda-feira (26). Rayssa Leal, a Fadinha, de apenas 13 anos de idade, conquistou a medalha de prata para o skate brasileiro, em Tóquio, na categoria street.

O esporte que é estreante em uma edição de Olimpíada garantiu duas medalhas para o Brasil. O ouro ficou com a japonesa Nishiwa Momiji...

OLIMPÍADAS: Brasil fatura suas duas primeiras medalhas em Tóquio

As Olimpíadas de Tóquio 2021 estão no segundo dia de competições. O Brasil conquistou as duas primeiras medalhas no torneio, na modalidade de street do skate e no judô. 

O skatista Kelvin Hoefler conquistou a medalha de prata na modalidade street, ficando atrás apenas do japonês japonês Yuto Horigome. Hexacampeão mundial, o brasileiro fez história no esporte estreante nos Jogos Olímpicos ao carimbar o primeiro pódio do país. A segunda medalha veio com o judoca Daniel Cargnin, que conquistou o bronze na categoria até 68 kg. Na disputa pela medalha, ele venceu o israelense Baruch Shmailov...

Futebol feminino: Brasil empata com a Holanda e fica perto da classificação

O Brasil se exibiu de forma madura e organizada no empate por 3 a 3 com a Holanda na manhã deste sábado (24), em Miyagi. Os gols brasileiros foram de Debinha, Marta e Ludmila, e o empate serviu como uma injeção de otimismo para quem esperava um grande teste para o time de Pia Sundhage.

O time brasileiro mostrou poder de reação, repertório ofensivo e ainda viu boas atuações de quem veio do banco de reservas...

Sem a presença de público, Jogos Olímpicos de Tóquio são oficialmente abertos no Japão

Sem a presença de público por causa da pandemia de coronavírus, a cerimônia oficial de abertura da Olimpíada de Tóquio iniciou às 8h (horário de Brasília) desta sexta-feira (23) no Estádio Olímpico da capital japonesa.

A solenidade tem duração de três horas. Além da proibição da venda de ingressos, algumas delegações, incluindo a brasileira, enviaram menos atletas para a cerimônia em que a Pira Olímpica é acesa...

Olimpíada de Tóquio começa nesta sexta-feira

Nesta sexta-feira (23), os olhos de boa parte da população mundial estarão voltados para a cidade de Tóquio. Após o adiamento de um ano por causa da pandemia da covid-19 e ameaças de cancelamento, a 32ª edição da Olimpíada de verão ter á a abertura oficial a partir das 8h (horário de Brasília) no Estádio Olímpico de Tóquio (também chamado de Estádio Nacional).

Pela primeira vez na história, as cerimônias de abertura e encerramento, assim como as competições na capital do Japão, não terão a presença de público. A decisão de proibir espectadores foi tomada por conta da decretação do estado de emergência em Tóquio até o final das competições até 8 de agosto, e em meio a críticas de autoridades de saúde do país e rejeição da população à competição...