RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 7 registros para a palavra: selic

Campos Neto: Petrobras eleva preço ‘muito rápido’ e Selic vai ‘aonde precisar’

O Banco Central fará o que for preciso para levar a inflação para as metas em meio ao avanço de preços na economia brasileira, mas o presidente da autoridade monetária, Roberto Campos Neto, frisou que isso não significa que o BC reagirá sempre a dados novos.

Ao falar no evento MacroDay 2021, promovido pelo banco BTG Pactual, ele destacou que o BC levará a Selic para onde for necessário, mas não irá alterar seu plano de voo a cada número de alta frequência que sair...

Copom aumenta taxa básica de juros de 4,25% para 5,25%

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu nesta quarta-feira (4) elevar a taxa básica de juros da economia, a Selic, de 4,25% para 5,25% ao ano.

O aumento de um ponto percentual já era esperado por parte dos analistas do mercado financeiro, que estimam a taxa em 7% ao final deste ano. Esta foi a quarta elevação consecutiva da taxa em 2021...

Aumento de 0,75 ponto percentual na Selic foi equivocada, avalia CNI

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) considera equivocada a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central, por um novo aumento na taxa básica de juros (Selic) em 0,75 ponto percentual.

Com o recrudescimento da covid-19 no País desde o início do ano, a atividade econômica, que vinha mostrando uma gradativa recuperação, sofreu novo impacto negativo em razão das novas medidas protetivas de distanciamento social. A produção industrial de abril de 2021 ainda está 6,6% abaixo do nível alcançado em dezembro de 2020...

Banco Central reduz Selic para 13% ao ano e surrpeende o mercado

Pela terceira vez seguida, o Banco Central (BC) baixou os juros básicos da economia. Por unanimidade, o Comitê de Política Monetária (Copom) reduziu hoje (11) a taxa Selic em 0,75 ponto percentual, para 13% ao ano. A decisão surpreendeu os analistas financeiros, que previam o corte de 0,5 ponto percentual.

Com a decisão de hoje, a Selic está no menor nível desde abril de 2015, quando estava em 12,75% ao ano. Mantida em 7,25% ao ano, no menor nível da história, de outubro de 2012 a abril de 2013, a taxa foi reajustada gradualmente até alcançar 14,25% ao ano em julho de 2015. Somente em outubro do ano passado, o Copom voltou a reduzir os juros básicos da economia...

Mercado financeiro projeta inflação de 4,87% para 2017

O mercado financeiro espera que a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), fique em 4,87% este ano. A expectativa é que a inflação se situe bem abaixo da projetada para 2016, que passou de 6,40% para 6,38%, de acordo com pesquisa semanal do Banco Central (BC) feita junto a instituições financeiras e divulgada às segundas-feiras.

Diante da recessão econômica e da melhora na inflação, o BC tem sinalizado que pode intensificar o corte da taxa básica de juros, a Selic. Nas suas duas últimas decisões, o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC cortou a Selic em 0,25 ponto percentual. Atualmente, a taxa está em 13,75% ao ano. A próxima reunião do Copom está marcada para os dias 10 e 11 deste mês...

RECEITA FEDERAL Operação contra sonegação de impostos em serviços médicos é deflagrada nesta segunda em PE

Médicos, pacientes e outros profissionais da área médica foram intimados a prestar depoimento nesta segunda sobre rendimentos em serviços não declarados

Profissionais da área médica são investigados por sonegar impostos na receita de cirurgias de alto valor
 ..

Copom decide elevar taxa Selic para 11,25% ao ano

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu nesta quarta-feira, 19, elevar a taxa Selic em 0,50 ponto porcentual para 11,25% ao ano. Desde julho do ano passado, o BC vinha mantendo o juro básico da economia brasileira em 10,75% ao ano, mas no último Relatório Trimestral de Inflação, divulgado em dezembro, a autoridade monetária já sugeria que a taxa poderia subir.

A decisão desta quarta - a primeira reunião do Copom deste ano e sob o comando de Alexandre Tombini na presidência do BC - ficou dentro da previsão da maior parte dos analistas financeiros.  Segundo levantamento, 61 de 64 instituições projetavam o aumento de 0,50 ponto porcentual, ajuste que dá início, de acordo com analistas, a um ciclo de aperto monetário que pode fazer com que a taxa básica de juros supere os 13% em 2011. Apenas duas instituições esperavam estabilidade da taxa e uma previa a elevação de 0,75 ponto porcentual...