RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 62 registros para a palavra: feminicidio

Juazeiro registra mais um feminicídio, é o oitavo homicídio do mês de dezembro

Segundo o site do policial Edson Paim mais um corpo do sexo feminino foi encontrado sem sinais vitais em Juazeiro (BA) por volta de 06h45 desta terça-feira (15).

De acordo informações, o fato ocorreu no bairro Jardim das Acácias, quando vizinhos encontraram o cadáver no interior da residência que estava incendiada e acionaram os órgãos competentes...

'Protocolo do Feminicídio' é assinado para dar celeridade em investigações de casos da Bahia

Um documento de Protocolo do Feminicídio da Bahia foi assinado para garantir mais rapidez e efetividade nas ações relacionadas à prevenção, investigação e julgamento de quem comete violência contra mulher.

O Protocolo do Feminicídio servirá para profissionais da polícia e Justiça durante os registros de queixa e investigações. A cerimônia de assinatura foi realizada no Centro Administrativo da Bahia (CAB)...

Feminicídio tem redução de 85,7% no mês de agosto

O crime de feminicídio registrou queda de 85,7%, no mês de agosto de 2020, comparando com o mesmo período do ano passado. Nenhum caso foi registrado em Salvador e nas 13 cidades da RMS. Um caso foi registrado no interior do Estado. Em 2019, no oitavo mês do ano, a polícia havia contabilizado sete ocorrências contra mulheres.

Dos sete casos que aconteceram no mês de agosto de 2019, seis foram em cidades do interior e um caso ocorreu na capital baiana. Na Região Metropolitana de Salvador não houve registros nos dois períodos...

Homem é preso em flagrante por tentativa de feminicídio durante Operação Impacto Integrado Covid-19


 

A fiscalização das forças de segurança pública pela Operação Impacto Integrado Covid-19 resultou na prisão de um homem no bairro João de Deus, em Petrolina. Durante a ronda desta terça-feira (12), a população indicou para equipe que uma mulher estava sendo espancada pelo companheiro nas proximidades. Ao chegar ao endereço, o agressor tentou fugir saltando pelos muros da vizinhança, mas foi capturado pelo efetivo ao tentar acessar a rua. Ele foi conduzido à delegacia de Polícia Civil para adoção das medidas legais cabíveis.

Ao entrar na residência, os agentes de segurança pública constataram que se tratava de uma tentativa de feminicídio. A vítima foi encontrada sangrando, devido aos cortes e perfurações feitos pelo agressor com uma faca. Ela foi levada ao Hospital Universitário para atendimento e, posteriormente, à delegacia de plantão para prestar depoimento...

Comissão de Direitos Humanos e Cidadania emite nota sobre feminicídio ocorrido em Petrolina no final de semana

A Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Câmara Municipal de Petrolina vem expressar profundo repúdio ao feminicídio que vitimou a jovem mãe, negra, trabalhadora, moradora da nossa periferia, Kézzia Homeilly, na noite do último sábado, 11 de Abril, na rua 8, do bairro Jardim Amazonas. 

Seu ex-companheiro, Tiago Targino, a assassinou covardemente com golpes de faca. A cena cruel foi testemunhada pela mãe e uma das filhas da vítima...

Mulher é assassinada pelo ex-companheiro e vereadora cobra justiça para mais um feminicídio em Petrolina

 

- Kezzia  Homeilly, de 32 anos, foi assassinada pelo ex-companheiro -

 ..

Nota: Movimento Mulheres em Foco denunciam feminicídio em Sobradinho

Neste fim de semana em Sobradinho Bahia, mais uma mulher foi silenciada pelo machismo, pela covardia, pelo patriarcado que insiste em se manter em nossa sociedade. 

Edilene dos Santos Carvalho mais conhecida como Leninha foi mais uma vitima do feminicídio, onde foi brutalmente assassinada em sua própria casa pelo seu ex companheiro, hoje solto pela "justiça"...

Vereadora Cida Gama fala da sua atuação no Social registrando diminuição do feminicídio em Juazeiro

A Vereadora Cida Gama (Maria Aparecida Gama de Oliveira – PP), ocupou a tribuna na sessão desta segunda-feira (09/03), para registrar as ações, avanços e execução de política públicas voltadas para a melhoria das condições de vida de parcelas mais desassistidas na sociedade juazeirense, especialmente as mulheres.

Sem citar ou referir-se às críticas por não ter exercido o mandato e assumido a Secretaria de Ação Social, Cida Gama falou de sua experiência:..

Opinião: Machismo + ciúme = feminicídio

A cada duas horas, uma mulher é morta no Brasil. São 12 por dia. Na grande maioria dos casos, a experiência demonstra haver sempre um padrão: machismo, ciúme, rejeição e feminicídio.

Senão vejamos, por amostragem: Luiz Carlos, 34, um jovem executivo inteligente e bem apessoado, conhece Ana Paula, uma bela morena de 30 anos. Iniciaram um relacionamento e logo se apaixonam. Foram necessários apenas três meses de intenso affair para que Luiz botasse as unhas de fora...

Homem é preso em Paulo Afonso suspeito de agredir companheira após ela negar relação sexual

Um homem foi preso suspeito de agredir a companheira após ela negar relação sexual com ele, em Paulo Afonso, cidade da região norte da Bahia. As informações são de Antônia Jane Santos, titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) do município.

A prisão ocorreu depois que a mulher conseguiu prestar denúncia na delegacia. Segundo o depoimento da vítima, o crime aconteceu no início da madrugada da quarta, dentro da casa onde eles moram. A vítima e o suspeito são casados há quatro anos...

Em três anos, 3.200 mulheres foram vítimas de feminicídio no Brasil

Terminar um relacionamento ou não corresponder ao amor de alguém fez com que milhares de mulheres tivessem suas vidas ceifadas nos últimos anos. Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, publicado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, entre 2016 e 2018 foram mais de 3,2 mil mortes no país. Além disso, estimativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), indica que, no mesmo período, mais de 3 mil casos de feminicídio não foram notificados.

O crime é um assassinato qualificado, incluído no Código Penal em 2015, que trouxe mais segurança jurídica para as mulheres e familiares ao tipificar com penas mais severas quem comete feminicídio. Mesmo assim, o número de mortes desse tipo aumenta a cada ano...

NOTÍCIA ATUALIZADA: 75ª CIPM PRENDE AUTOR DE FEMINICÍDIO EM JUAZEIRO; VÍTIMA MORRE SEM ASSISTÊNCIA DO SAMU NO ALTO DO ALENCAR

Por volta das 21:20h, deste sábado, dia 21, no Alto do Alencar, nas proximidades do CSU, em Juazeiro (BA), a guarnição RP-1° Pel/75ª Cipm, foi deslocada para averiguar informação de um esfaqueamento decorrente de uma suposto assalto;  no local foi constatado que a vítima, Marizete Maria da Silva, 36 anos, moradora da rua da Mônica, S/N, Alto da Aliança, havia sido golpeada por duas vezes na região torácica, vindo a óbito.

inicialmente a versão apresentada foi logo refutada pelas circunstâncias e depoimentos colhidos no local, motivo de condução do esposo da vítima para a delegacia da 17ª Coorpin e lá, foi lavrado o auto de prisão em flagrante. Providências: Coleta de dados, informações e depoimentos, com preservação do local até a chegada do DPT, para adoção das medidas de sua alçada...

DURANTE COMPETIÇÃO EM JUAZEIRO (BA) ATLETAS PEDEM JUSTIÇA NO CASO DE ALICE RODRIGUES VÍTIMA DE FEMINICÍDIO

Durante competição “Desafio Arca Sport Night” Segunda etapa do Campeonato Baiano de Corrida de Aventura promovido no último sábado (01) pela Arca Sport atletas de toda Nordeste cobraram justiça e lembraram o caso da jovem de 18 anos Alice Nilza Rodrigues que foi encontrada morta às margens do Rio São Francisco, próximo a Uneb.

Segundo os laudos, Alice Nilza RodrigueS foi morta a pedradas. De acordo com a delegada Licelma Bonfim, titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Juazeiro, o suspeito, identificado como Nielton Gonçalves Soares, já teve um caso com Alice e queria ter um relacionamento sério com ela. A vítima, entretanto, não correspondia à vontade do suspeito e, por isso, ele teria a matado...

Feminicídio: Familiares de Ridelny pedem transferência do acusado pelo crime em Juazeiro que está preso em São José do Belmonte (PE)

A família de Rildeny Modesto Batista, assassinada no dia 21 de março de 2016, dentro de um quarto no Residencial Praia do Rodeadouro, em Juazeiro, está pedindo justiça pelo crime e proclama que a Justiça de Pernambuco, transfira o acusado que se encontra preso no município de São José do Belmonte para Juazeiro.

Irmãos das vítima que na época estava com 24 anos informam que o acusado pelo crime estava foragido e "que agora é preciso sensibiliar as autoridades para que o criminoso seja com urgência transferido para Juazeiro Bahia e possa ir a júri popular e condenado"...

Feminicídio é um crime diferenciado, entra em quatro paredes, o agressor está em todos os locais, comenta Gleide Angelo

Eleita pela primeira vez deputada estadual, a delegada Gleide Ângelo teve 412.636 votos, nas eleições de 2018, tornando-se a mulher mais votada de toda história de Pernambuco. Ela sabe da responsabilidade de representar seus eleitores e espera atender a contento todos os desafios. "Estou preparada para cobrança", disse Gleide. Um dos principais temas que a deputada deve se debruçar é a questão do feminicídio.

"O feminicídio é um crime diferenciado. Ele entra em quatro paredes, é um crime silencioso, é um crme que muitas vezes as pessoas não tem conhecimento. O agressor de mulher não é como traficante, que a polícia identifica e vai lá e prende. O agressor de mulher, ele está na Avenida Boa Viagem e ele está na favela, ele está em todos os locais", avisou...

Feminicídio: Os primeiros 18 dias de 2019 foram marcados pela violência em Juazeiro

Mais um crime provoca comoção no Vale do São Francisco e região. Nesta quinta-feira, dia 17, Alice Nilza Rodrigues dos Santos foi vítima de feminicídio. Segundo investigadores do Departamento de Homicidios, Coordenadoria, DTE e 1ª DT, o acusado do crime é Nielton Gonçalves Soares. De acordo com a Polícia a vítima teria uma relação amorosa esporádica com o autor do crime. A vítima foi morta a pedradas

A Delegacia de Homicidios de Juazeiro apontou que "autor não se conformava com o fato de Alice ter um relacionamento afetivo fixo com outra pessoa, situação que o incomodava e o fazia ameaçar a vítima, inclusive chegando a constrangê-la, dizendo que ia divulgar imagens íntimas dela nas redes sociais, se ela não ficasse com ele. Alice não aceitava, sendo esta a razão apontada como motivação do bárbaro crime. Nielton foi autuado em flagrante e será submetido à Audiência de Custódia. ..

POLÍCIA CIVIL DE JUAZEIRO ELUCIDA FEMINICÍDIO E PRENDE AUTOR EM FLAGRANTE NO MESMO DIA DO CRIME

Nesta quinta-feira, dia 17, por volta das 15:30 horas, após o levantamento feito no local do crime de homicídio em que foi vitimada ALICE NILZA RODRIGUES DOS SANTOS, uma equipe de investigadores do DH, Coordenadoria, DTE e 1ª DT de Juazeiro foi até a residência da vítima, onde colheu informações relacionadas à esta que aliadas a outros dados que já se tinha colhido, foi chegado ao nome do suspeito do crime, identificado como NIELTON GONÇALVES SOARES, pessoa com quem a vítima teria uma relação amorosa esporádica.

Após uma série de buscas, os policiais localizaram o então suspeito na feirinha do bairro Castelo Branco e o conduziram para a Delegacia de Polícia. Ao ser interrogado, NIELTON negou a autoria delitiva, todavia, várias diligências foram efetuadas no sentido de se buscar as provas materiais e estas foram localizadas, todas colocando NIELTON na cena do crime. As provas, dentre as quais as vestes do autor sujas de sangue encontradas nos pertences dele, o aparelho celular da vítima que estava de posse de NIELTON e fora reconhecido pelos familiares como sendo de fato de propriedade de ALICE, foram apreendidas e serão submetidas à perícia...

Feminicídios e tentativas de assassinato disparam no Brasil em 2018

O ano passado foi atroz para as mulheres. Os crimes de feminicídio e de tentativa de assassinato dispararam no país. Em alguns casos, mais do que dobraram. E 2019 começou ainda mais violento. Os números mostram que a covardia cresce no Brasil, reflexo, segundo especialistas, de uma cultura de tolerância e banalização da agressão contra a mulher.

Dados inéditos revelam que 92.323 denúncias foram registradas e encaminhadas pelo Ligue 180, canal do agora Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos — 25,3% a mais do que no ano anterior. Em 2017, foram 73.669. Para se ter dimensão da barbárie, 391 mulheres foram agredidas por dia em dezembro, mês no qual 12.123 se tornaram vítimas de todo o tipo de violência. Em relação ao mesmo período de 2017, o número mais que dobrou. À época, 6.024 denunciaram abusos...

Número de feminicídios cresce 6% na Bahia em 2018

O número de feminicídios na Bahia cresceu em 2018. De acordo com o balanço apresentado pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP), 70 feminicídios foram registrados em todo o estado, o que representa um crescimento de 6,1% em comparação com 2017, quando foram contabilizados 66 feminicídios.

Já o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (Homicídio, Latrocínio e Lesão Corporal Seguida de Morte) teve o menor registro desde 2012. Foram 5.506 casos em todo o estado, entre 1º de janeiro a 25 de dezembro deste ano, 715 a menos que o mesmo período do ano passado. O número representa uma redução de 11,5%...

Câmara dos Deputados confirma aumento de pena para feminicídio

O projeto de lei 3030/15 que aumenta a pena de feminicídio foi aprovado nesta quarta-feira (28) pela Câmara. A mudança vale para casos em que o autor do crime estiver sob obrigação de cumprir medidas protetivas previstas na Lei Maria da Penha, mas descumprir a ordem.

Segundo o site Universa, a pena aumentou em um terço. O objetivo é tornar o descumprimeto da medida protetiva um agravante. Os deputados também aprovaram o projeto de lei 5555/13, que determina punição para quem divulgar imagens íntimas das vítimas. O texto define o crime de registro não autorizado de intimidade sexual, com pena de seis meses a um ano de detenção e multa. As duas matérias seguem para a sanção presidencial...