RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 2248 registros para a palavra: educacao

Cuidado socioemocional: Prefeitura de Juazeiro prepara profissionais da rede municipal de educação para retorno presencial

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), realizou na quarta-feira (15), a formação "Cuidar de mim: Bem-estar e Saúde Mental". O objetivo do evento foi preparar socioemocionalmente os profissionais para o retorno às aulas presenciais.

O encontro, transmitido através de live no canal da Seduc no YouTube, reuniu 229 participantes, entre gestores, coordenadores, secretários escolares, assistentes administrativos, além de colaboradores da própria secretaria...

Workshop Nacional de Educação Contextualizada para Convivência com o Semiárido Brasileiro terá formato online

Pelo décimo ano consecutivo, o Programa de Pós-Graduação em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos (PPGESA), em Juazeiro (BA), irá promover o Workshop Nacional de Educação para Convivência com o Semiárido Brasileiro a ser realizado entre os dias 16 e 19 de novembro no formato online.

Nesta edição, o evento discutirá o tema “Educação contextualizada, diálogos e conflitos interculturais: entre o local e o global”, numa articulação ampliada entre o Departamento de Ciências Humanas, Campus III, da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) e a Universidade de Pádua (Itália)...

Facape recebe visita do Secretário de Educação de Petrolina Plínio Amorim

O Presidente da Faculdade de Petrolina - Facape, Antônio Habib, se reuniu com o Secretário de Educação do município, Plínio Amorim. Na pauta, a relação institucional entre a faculdade e a Seduce. A discussão também foi sobre as parcerias entre ambas. "A gente veio tratar de interesses comuns das duas instituições.

Vamos começar a materializar algumas coisas que são possíveis. Nós queremos construir novas parcerias para estarmos próximos e somar com a educação de Petrolina", ressaltou o Secretário Plínio...

Prefeitura de Sobradinho e Undime-BA realizam I edição do Encontro IntegrAção Territorial de Dirigentes Municipais de Educação do Sertão do São Francisco

A Secretaria de Educação de Sobradinho, em parceria com a União dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME), realizou a I edição do Encontro IntegrAção Territorial de Dirigentes Municipais de Educação do Território Sertão do São Francisco, nesta quinta-feira (02), no Memorial da CHESF.  

Estiveram reunidos, além de  gestores escolares das redes municipal, estadual, particular e filantrópica de Sobradinho, os Secretários de Educação e técnicos pedagógicos,  representantes de 09  cidades que compõem o Território de Identidade...

Retorno das aulas da Educação Infantil de Petrolina é confirmado para próxima quarta-feira

Dentro do cronograma de retorno gradual das aulas presenciais da Rede Municipal de Ensino de Petrolina, toda a Educação Infantil que estava prevista para voltar à sala de aula no dia 6 de setembro, teve a data alterada para a próxima quarta-feira (8). A medida foi tomada após o anúncio do ponto facultativo na segunda-feira (6) e será válida apenas para os alunos que tinham retorno programado para essa data.

Diante do feriado de Independência do Brasil, no dia 7 de setembro, a interrupção não seria pedagogicamente aconselhável às crianças, em razão do processo de adaptação escolar. Por isso, se fez necessário a mudança no calendário. Para as demais Escolas do município, as aulas acontecerão normalmente no dia 6...

Equipe da Secretaria de Educação de Juazeiro participa de encontro da Undime-BA e discute demandas do setor na região

Integrantes da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc) participaram nesta quinta-feira (02) do "I Encontro de Integração Territorial de Dirigentes Municipais de Educação", representando Juazeiro.

O evento sediado em Sobradinho (BA), foi uma iniciativa da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-BA), e teve, entre os objetivos, ouvir e dialogar com os dirigentes da educação municipal, sobre as demandas do segmento nos 10 municípios que compõem o território Sertão do São Francisco...

Programa de Mestrado em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos (PPGESA) da UNEB em Juazeiro abre inscrições para aluno regular

O Programa de Pós-graduação Mestrado em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos (PPGESA) oferecido pelo Departamento de Ciências Humanas, campus III da UNEB em Juazeiro está com inscrições abertas até 30/09 para seleção de aluno regular.

Ao todo são 20 vagas distribuídas em três linhas de pesquisa:  Educação Contextualizada para Convivência com o Semiárido (8 vagas); Educação, Comunicação e Interculturalidade (6 vagas); Campo Educacional, Cultura Escolar e Currículo (6 vagas). ..

Câmara aprova projeto do Executivo que cria auxílio tecnológico para trabalhadores da educação de Petrolina

A Câmara de Vereadores de Petrolina aprovou o projeto do Poder Executivo que cria um auxílio financeiro para os professores e secretários escolares adquirirem equipamentos como tablets, celulares e computadores novos. A iniciativa deve beneficiar 2.600 profissionais do município, segundo a gestão.

O objetivo do auxílio, de acordo com o Projeto de Lei, é "promover uma melhor qualidade na realização de atividades escolares" pelos trabalhadores e trabalhadoras da educação do município. O incentivo vai garantir R$ 8 mil para os professores efetivos; R$ 4 mil para os professores temporários; e R$ 4 mil para os secretários escolares. O valor deve ser empregado na compra de equipamentos como celulares, tablets e computadores, que ajudem em atividades remotas. ..

Sobradinho sediará I Encontro Integração Territorial de Dirigentes Municipais de Educação

Nesta quinta-feira (02), Sobradinho sediará o I Encontro Integração Territorial de Dirigentes Municipais de Educação e suas equipes técnicas para um diálogo com o presidente da Undime-BA - União dos Dirigentes Municipais de Educação, Professor Raimundo Pereira.

Essa será, oficialmente, a primeira edição do encontro entre os dirigentes municipais e técnicos de educação que atuam nos 10 municípios do Território de Identidade do Sertão do São Francisco, sendo eles: Casa Nova, Sento-Sé, Juazeiro, Campo Alegre de Lourdes, Remanso, Pilão Arcado, Curaçá, Canudos, Uauá e Sobradinho.

O evento, organizado através de uma parceria entre a Secretaria de Educação de Sobradinho e a UNDIME-BA, será realizado nas instalações do memorial da CHESF, na Vila Santana, para os inscritos, e atendendo aos protocolos sanitários.

Na pauta do encontro está prevista uma palestra com o presidente da UNDIME Seccional Bahia, Raimundo Pereira que falará sobre a importância da integração territorial para a consolidação dos avanços na Educação Municipal.

Também haverá a participação do professor-doutor em arqueologia, Celito Kestering, que discutirá sobre a temática, 'Território e Identidade', e ainda do mestre em educação e cultura organizacional, Professor Lucas Santiago, que irá discorrer sobre o tema, 'Educação Humanizada'.

"O Encontro Integração Territorial de Dirigentes Municipais de Educação é de fundamental valia, não apenas para a educação em Sobradinho, mas para todo o território Sertão do São Francisco. Enquanto dirigente municipal da cidade que cedia essa integração, sinto-me honrada e satisfeita com o trabalho realizado na organização, e muito animada para participar do evento, considerando que o objetivo da Undime-BA e SME é o de fortalecer o diálogo com os Sistemas Educacionais de todo o Território Sertão do São Francisco para assegurar uma educação de qualidade social para todos e todas", afirmou a secretária de educação de Sobradinho e Diretora de articulação municipal da UNDIME Bahia, Ducilene Kestering. ..

Ditadura militar, democracia e os impactos do autoritarismo na Educação Brasileira é tema da Semana da Anistia Contra a Censura e pela Cultura

Ditadura militar, anistia, democracia e os impactos do autoritarismo na Educação Brasileira. Este é o tema da Semana da Anistia Contra a Censura e pela Cultura que aconteCE nesta quarta  (01), no canal do instagram do DCE @dceunivasf, às 19hs.

A live faz parte da 10º Semana da Anistia. O professor doutor Télio Nobre que foi eleitor Reitor da Univasf e não assumiu cargo devido a intervenção no campus. Emanuel Andrade, professor doutor da Uneb e professor doutor José Eduardo são os debatedores da live...

Sobradinho: Secretaria de Educação encerra comemorações da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência

Para marcar a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, comemorada entre os dias 21 a 28 de agosto, a Secretaria de Educação de Sobradinho realizou na última sexta-feira (27), uma roda de conversa que contou com a presença dos gestores escolares, da coordenação da Assistência Social do município, de membros da comunidade PcD de Sobradinho, entre outras representações sociais.

Mediada pela Secretária de Educação Ducilene Kestering, participaram da Roda de Conversa, a fonoaudióloga, Verônica Pesqueira, a advogada, Cícera Jaira Cavalcanti, as assistentes sociais, Lúcia Helena Miranda e Esmeralda Vasconcelos, a psicóloga, Janaina Gomes e o vereador Caul Sena...

MEC emite nota de esclarecimento sobre a Política Nacional de Educação Especial

Está havendo um intenso movimento para espalhar uma visão equivocada a respeito da Política Nacional de Educação Especial instituída por meio do Decreto 10.502 em setembro de 2020, o qual está passando por uma análise de mérito no Supremo Tribunal Federal.
 
O Ministério da Educação esclarece que continua firme no objetivo de cada vez mais ampliar a inclusão preferencialmente nas escolas regulares, como assinala a LDB, e os compromissos internacionais assumidos pelo Brasil na luta por uma educação inclusiva.

O MEC não nega o direito de todas as pessoas, com deficiência ou não, estarem em escolas regulares, e jamais aceitará que haja retrocesso em relação a essas conquistas, ou que matrículas sejam criminosamente negadas nas escolas comuns. O MEC reafirma que mantém a exigência de matrícula obrigatória em todas as escolas e exime qualquer escola da obrigatoriedade da matrícula de todo estudante. Recusar matrícula continua sendo crime no Brasil.
 
No entanto, grande polêmica está acontecendo porque o MEC fez a opção pelo atendimento adequado de uma minoria da minoria: queremos classes mais adequadas e atendimento especializado durante todo o período escolar para os 11,9% dos educandos do público da Educação Especial que estão nas classes e escolas especiais, ou seja, para 0,3% dos educandos da educação básica que estão nessas classes.
 
Na visão da política de 2008, que prevê o fechamento das escolas e classes especiais, todas essas pessoas, independentemente dos níveis de suas deficiências, transtornos ou habilidades, terão um único caminho: as classes comuns. Sabemos que a grande maioria desses alunos de fato se beneficiam desse único caminho.
 
Porém, uma parcela desse grupo não se beneficia adequadamente das classes comuns, já que necessitam de um atendimento educacional especializado. É para essa parcela de indivíduos mais vulneráveis que a nova política tem um olhar especial.
 
É importante que se entenda essa premissa, já que ela explica o porquê de os defensores da nova política serem minoria. E quem são parte dessa minoria? Em grande parte, os familiares dessa parcela de estudantes que não se beneficiam adequadamente das classes comuns e que, muitas vezes, optam inclusive por retirar seus filhos do sistema educacional público pela falta de uma alternativa e por entenderem que seus filhos não têm o atendimento adequado nas classes comuns.
 
O ministério da educação, por meio da PNEE 2020, está preocupado em incluir esses alunos e suas famílias não contemplados em suas necessidades pela realidade atual.
 
Segundo o relatório do 3º ciclo de monitoramento das metas do PNE, do Inep, realizado em 2021, 17,5% das crianças e adolescentes com deficiência, entre 4 a 17 anos, estão fora da escola.
 
Querem que sejam fechadas estas classes para os educandos mais fragilizados: as pessoas com deficiências graves ou múltiplas. Ora, estas classes estão previstas no artigo 58 da LDB e na meta 4 do Plano Nacional de Educação, e estão de acordo com a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência.
 
Causa estranheza que grupos que defendem as minorias estão contra o MEC justamente na defesa do atendimento educacional especializado – como diz a LDB, para esta minoria. Lei existe para ser cumprida.
 
O MEC não está retrocedendo, pelo contrário, está ampliando os direitos já conquistados: respeitando a legislação, incentivando a flexibilidade aos sistemas educacionais, promovendo a diversidade pedagógica e respeitando a liberdade de escolha, das pessoas com deficiência e de suas famílias, pela escola mais adequada para atender cada educando.
 
Por causa dessa realidade, muitos educandos com deficiência mental grave, que demandam adaptações razoáveis e apoios múltiplos e contínuos, estão sofrendo com a perda do direito a uma educação mais direcionada às suas especificidades. Também os surdos têm direito a uma escola que respeite sua língua e cultura.
 
A Convenção sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência assegura um sistema educacional inclusivo e o aprendizado ao longo de toda a vida e resguarda que sejam providenciadas adaptações razoáveis de acordo com as necessidades individuais. É isto que estamos buscando atender, pois classes especializadas promovem a inclusão social do público que atendem, com base nas liberdades fundamentais – e não existem liberdades fundamentais se for suprimido o direito de escolha.
 
 
 
Assessoria de Comunicação Social..

Com evasão escolar e desigualdade social, educação para autonomia do aluno é desafio no Brasil

“O ato de cozinhar [...] supõe alguns saberes concernentes ao uso do fogão, como acendê-lo, como equilibrar para mais, para menos, a chama, como lidar com certos riscos mesmo remotos de incêndio, como harmonizar os diferentes temperos numa síntese gostosa e atraente.

A prática de cozinhar vai preparando o novato, ratificando alguns daqueles saberes, retificando outros, e vai possibilitando que ele vire cozinheiro”...

Mobilização da Secretaria de Educação de Juazeiro defende os direitos da pessoa com deficiência

A Secretaria de Educação e Juventude (Seduc) de Juazeiro promoveu, nesta sexta-feira (27), uma mobilização no semáforo do prédio administrativo da Prefeitura Municipal, no centro, para chamar atenção da sociedade sobre a importância da inclusão social. A ação faz parte da programação alusiva à Semana Nacional da Pessoa com Deficiência. 

Durante a atividade, colaboradores do Núcleo de Atendimento Psicossocial e Inclusão (Napsi), da Seduc, estenderam faixas com o tema da campanha deste ano - "É tempo de transformar conhecimento em ação", direcionada para a questão do respeito aos direitos das pessoas com deficiência e a inclusão social. ..

Prefeitura de Juazeiro promove audiência pública do Fórum Municipal de Educação para posse dos novos membros

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), realizou nesta quinta-feira (26) a audiência pública do Fórum Municipal de Educação (FME), instrumento que visa o monitoramento e avaliação das metas estabelecidas no Plano Municipal de Educação (PME). A audiência pública teve o objetivo de empossar os novos membros do FME, criar e aprovar o Regimento Interno.

Participaram das discussões, membros da Seduc e de diversos segmentos sociais ligados à educação, como representações da Associação das Escolas Particulares de Juazeiro (Assespa), do Conselho Municipal de Educação (CME), de professores, coordenadores pedagógicos, gestores, do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA) e das universidades...

Bahia: APLB-Sindicato denuncia corte de salários de trabalhadores em educação

A direção da APLB-SINDICATO informa que recebeu denúncias de corte de salários de trabalhadores em Educação da rede estadual de ensino. De acordo com o site, o Departamento Jurídico já está apurando as ocorrências para tomar as devidas providências.

"Para tanto, é necessário que nos enviem, o mais rápido possível, os referidos contracheques com a comprovação dos cortes de salário através do número do WhatsApp do Fale Conosco da APLB: (71) 98192-8274", diz a nota...

Governo do Estado deve ampliar oferta de educação integral para mais de 25% das unidades baianas de ensino

O projeto de lei que prevê a implantação do programa de educação integral Anísio Teixeira no estado foi aprovado na última terça-feira (24), no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). O texto, que aguarda sanção do governador Rui Costa, garante a ampliação da oferta do ensino na modalidade integral e estabelece, entre outras garantias, a criação da Rede Colaborativa de Aprendizagens, como espaço de disseminação, compartilhamento e troca de experiências, visando a melhoria dos indicadores de qualidade das unidades com tempo estendido. Esse modelo de ensino começou a ser implantado pela Secretaria da Educação (SEC) em 2014, por meio do Plano Estadual de Educação, mas, a partir de agora, passa a ser lei na Bahia.

De acordo com dados da SEC, a Bahia conta com 208 unidades escolares em tempo integral na rede de ensino. Destas, 35 estão localizadas na capital baiana e 173 no interior do estado. A modalidade de educação integral alcança 37.322 estudantes em escolas estaduais de 149 municípios. Entre 2014 e 2021, foi registrado um avanço de 252% no número de unidades de ensino que oferecem esse modelo de educação, já que no primeiro ano de implantação havia 59 escolas em tempo integral...

"Conectividade na pandemia" é tema da Semana da Juventude promovida pela Prefeitura de Juazeiro

Com o tema "Juventude e as tecnologias da informação e comunicação: conectividade na pandemia", a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), irá promover entre os dias 25 e 27 de agosto, uma programação alusiva à Semana da Juventude 2021.

O evento virtual é voltado para a juventude do município e visa auxiliar na educação e conscientização dos jovens sobre a responsabilidade que assumem como protagonistas das suas próprias histórias, e o impacto futuro de suas decisões...

Cerca de 60% dos estudantes em Petrolina já retornaram às aulas presenciais

Dando continuidade ao retorno gradual das aulas presenciais na Rede Municipal de Ensino em Petrolina, nesta segunda-feira (23) foi a vez das turmas do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental - Anos Iniciais, e da 1ª e 2ª fase da Educação de Jovens e Adultos (EJA), voltarem para sala de aula.

Com muita responsabilidade, compromisso e obedecendo todos os protocolos de biossegurança, a Prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, segue promovendo o rodízio de estudantes nas dependências escolares semanalmente e realizando o monitoramento para minimizar qualquer possibilidade de contaminação pelo coronavírus. ..

APLB convoca rede estadual para reunião ampliada da Educação nesta terça (24)

Com o aumento do número de casos de contaminação pelo covid-19 nas escolas públicas da rede estadual, capital e interior, e o silêncio do governo do estado, que não apresentou devolutiva, a direção da APLB-Sindicato busca junto à Comissão de Educação da Assembleia Legislativa da Bahia e demais deputados estaduais, uma resolução para o impasse, e para tanto, estarão juntos, em reunião na próxima terça-feira (24/08), pela manhã.

No período da tarde, à partir das 16h, a APLB conova os trabalhadores e trabalhadoras em Educação da rede estadual, em reunião ampliada da Educação na forma remota, para apresentar uma devolutiva da reunião com os/as deputados/as e avaliar a possibilidade de lançar o estado de greve na rede estadual de ensino...