RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 51 registros para a palavra: aftosa

Governo da Bahia sela compromisso para se tornar zona livre de Febre Aftosa sem vacinação

A Bahia avançou mais uma etapa da maratona rumo ao cobiçado status de Zona Livre da Aftosa sem Vacinação, após a carta de compromisso do governo do estado endereçada à ministra da Agricultura Tereza Cristina, reforçando o empenho e detalhando o planejamento para assegurar a conquista da mudança de status sanitário em 2023.

"A correspondência do governador à ministra é uma prova inequívoca de que Rui Costa tem compromisso selado com o agronegócio baiano, uma vez que a garantia de rebanhos imunizados significa que os produtos cárneos aqui produzidos terão segurança sanitária com alcance garantido nos mercados mais exigentes em sanidade do mundo, o que beneficia também os produtos da agricultura baiana, gerando mais emprego e renda. O alcance desse status valoriza o rebanho baiano e consequentemente aumenta o patrimônio dos pecuaristas", contabiliza Maurício Bacelar, diretor-geral da ADAB (Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia)...

Vacinação contra febre aftosa chega à reta final

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro),vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), alerta que o prazo para a vacinação contra a febre aftosa termina na próxima terça-feira, dia 15.

Até o momento, Pernambuco alcançou 72,52% de cobertura, mas é preciso atingir um percentual de 90% para que o Estado continue com o status de área livre de febre aftosa com vacinação. ..

Vacinação contra febre aftosa na Bahia termina nesta segunda (30), sem prorrogação

Responsável pela coordenação das campanhas para imunização dos rebanhos baianos, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), anunciou, nesta sexta-feira (27), que a segunda etapa anual da vacinação contra a febre aftosa não sofrerá ajuste no calendário. O prazo termina na segunda-feira (30).

A decisão ocorre após a análise minuciosa dos números, desde que a campanha foi iniciada, em 1º de novembro. “Até o dia 25, alcançamos a venda de mais de 3 milhões de doses, isto é, das 3,5 milhões de doses que estimamos vender, mais de 90% já foram comercializadas e estamos analisando as planilhas a cada 24 horas. Tudo vem sendo acompanhado em detalhes”, ressalta o diretor-geral da agência, Maurício Bacelar...

Vacinação contra febre aftosa prorrogada em PE

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro), órgão vinculado à Secretária de Desenvolvimento Agrário (SDA), prorrogou o prazo da campanha de vacinação contra a febre aftosa.

Os produtores pernambucanos têm até 15 de dezembro para vacinar bovinos e bubalinos, de zero a 24 meses. A meta desta segunda etapa, que se encerraria no dia 30 de novembro, é imunizar 662.750 animais...

Bahia inicia 2ª etapa de vacinação contra a Febre Aftosa neste domingo

A Bahia recebeu o status de Zona Livre da Febre Aftosa, concedido pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), nos últimos 23 anos de forma consecutiva. Para dar continuidade aos resultados positivos, neste domingo (1º), será iniciada a 2ª etapa de vacinação contra a doença em 2020, destinada a bovinos e bubalinos de até dois anos de idade.

Além de vacinar, o produtor deve declarar todo o rebanho para a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab). Para evitar aglomeração e tornar mais rápida a declaração da vacina, o produtor pode realizar o processo via internet, no site da Adab (www.adab.ba.gov.br), e também nas lojas de revenda de produtos agrícolas e sindicatos rurais...

Vacinação contra febre aftosa já imunizou 166 milhões de animais

Dados parciais da primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa em 2020 mostraram cobertura vacinal de 97,81% do rebanho de bovinos e bubalinos de todas as idades. No total, segundo o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, entre estados que já enviaram informações foram imunizados 166 milhões de animais.

Até o momento, 18 dos 23 estados que precisam vacinar seus rebanhos entraram no balanço. Isso porque um está em análise e três ainda não enviaram o relatório com os dados finais dessa fase. A segunda etapa de campanha de vacinação contra aftosa começa em 22 estados em novembro...

Vacinação contra febre aftosa é prorrogada para julho em Pernambuco

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro) informa a todos os produtores que a primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa que se encerraria no dia 30 de junho foi prorrogada para o dia 31 de julho.

A determinação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento atendeu as solicitações apresentadas pelos órgãos executores de sanidade animal do Nordeste (AL, CE, MA, PB, PE, PI e RN), baseadas nas medidas de enfrentamento ao coronavírus...

Bahia prorroga vacinação contra a Febre Aftosa até 30 de junho

A prorrogação da Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa em toda a Bahia foi confirmada nesta sexta (29) pelo diretor-geral da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), Maurício Bacelar. "Embora os registros de venda da vacina tenham superado os 7,5 milhões de doses nas lojas de produtos agrícolas, o que é um indicativo bem positivo da conscientização dos produtores baianos para com a imunização de seus rebanhos, decidimos pela extensão do prazo que acabaria no próximo domingo (31)", ressaltou.

A decisão da Adab foi anunciada após consulta ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb). O prazo será um mês mais longo nessa primeira etapa da Campanha de Vacinação de 2020 também em todos os outros estados do Grupo 4 que integram o Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA): Tocantins, Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Espírito Santo. ..

Primeira etapa da campanha de vacinação contra aftosa será em junho

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro) informa que a primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa que aconteceria de 01 a 31 de maio foi adiada para o mês de junho em todos os estados do Nordeste, com exceção da Bahia.

A medida foi confirmada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e busca preservar a cobertura vacinal em época de pandemia...

Mais de três milhões de animais serão vacinados contra a febre aftosa na Bahia

A segunda etapa da vacinação contra a febre aftosa começou na Bahia na última sexta-feira (1º) e segue até o dia 30 de novembro. O estado possui um rebanho de 10 milhões de cabeças de gado e há 22 anos a Bahia é considerada zona livre de Febre Aftosa.

De acordo com o diretor-geral da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), Maurício Bacelar, a expectativa é de que sejam vacinados 3,5 milhões de animais no estado. “Iremos vacinar todos os bovinos e bubalinos de 0 a 24 meses. A nossa expectativa é vacinar 35% do rebanho baiano. Em 2021 a Bahia pode vir a ser zona livre de febre aftosa sem vacinação, portanto, as últimas campanhas são importantíssimas para que possamos alcançar um grande número de animais. A atenção neste momento é ainda mais especial porque iremos vacinar os animais mais jovens e que não passaram por outras campanhas”.

Em 2019, a novidade na campanha de vacinação fica por conta da redução da dose da vacina que passou de 5 para 2 mililitros e vem sendo aplicada desde a primeira etapa no mês maio. O coordenador do Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa na Bahia, Antônio Maia, explica o motivo da mudança. “Esta foi uma demanda do setor produtivo para reduzir as ocorrências de reações vacinais nos animais. São reações que causavam desvalorização da carcaça, perda de carne, de cortes que afetavam inclusive a exportação da nossa carne. Além disso, uma substância chamada saponina foi retirada da vacina”.

Antônio Maia ainda lembra que os produtores devem adotar os cuidados de higiene necessários no momento da aplicação da vacina. “Após a vacinação de maio já tivermos resultados positivos que impactam no bem-estar dos animais que deixam de apresentar reações em função da vacina. Entretanto, ainda ocorre por exemplo a formação de abscessos em decorrência da falta de higiene e limpeza no momento da aplicação. A Adab vem fazendo esse trabalho de conscientização e informação junto aos produtores. No site da Agência o produtor também encontra as informações necessárias”.

A vacinação alcança animais de 0 a 24 meses e segundo a Adab, os bezerros mais jovens são os que melhor reagem a vacinação e não apresentam reações significativas. O produtor que não vacinar o seu rebanho fica sujeito ao pagamento de multa no valor de R$ 53 por animal. Informações detalhadas sobre a vacinação contra a febre aftosa estão disponíveis no site da Adab.

O superintendente do Ministério da Agricultura na Bahia, Paulo Emílio, pontua a importância da parceria para que se alcance resultados significativos. “A Bahia vem protagonizando junto com o produtor o combate da febre aftosa. É importante lembrar que o Brasil é um player na exportação mundial do mercado de carne e para a economia baiana e brasileira é importante a manutenção da qualidade e saúde do nosso rebanho. É um trabalho compartilhado e que tem sido exitoso e com a Bahia como referência para o resto do país”, afirma...

Bahia atinge 93,49% de vacinação na segunda fase da campanha contra aftosa

A Bahia vacinou contra febre aftosa, durante os meses de novembro e dezembro de 2018, cerca de 2,8 milhões de cabeças de bovinos e bubalinos de até dois anos de idade, ultrapassando o percentual exigido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). No total, 93,49 % do rebanho no estado foram vacinados e declarados.

Os proprietários que não vacinaram o rebanho durante o período da campanha e não fizeram a declaração na Agência de Defesa Agropecuária (Adab) precisam procurar o órgão para solicitar a atualização dos procedimentos que deverão ser adotados...

Prazo para vacinação contra febre aftosa em Andorinha termina sexta-feira,30 de novembro

Os criadores de bovinos do município de Andorinha têm até o dia 30 de novembro para vacinar o rebanho contra a febre aftosa. A campanha foi iniciada em 1º de novembro e encerra-se na próxima sexta-feira, 30 de novembro.

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente , não haverá prorrogação da campanha. Todos os animais entre 0 e 24 meses deverão ser vacinados. Para saber mais ligue 3529- 12 09...

MÉDICO VETERINÁRIO DA ADAB EM JUAZEIRO REFORÇA PARA VACINAÇÃO CONTRA FEBRE AFTOSA

Com a finalidade de conscientizar e convocar os produtores a vacinarem seus animais na Bahia até o dia 30 de novembro o médico veterinário da ADAB - Agência de Defesa Agropecuária da Bahia, em Juazeiro, Charles Oliveira esteve no Programa Geraldo José (Transrio FM) nesta sexta-feira (16) à tarde.

O prazo para imunizar bovinos e bubalinos é até 30 de novembro, e os produtores têm até 15 de dezembro para enviar a declaração de vacinação para qualquer escritório da Adab. Quem não imunizar ou não declarar pode receber uma multa de R$ 53,21 por cabeça não vacinada. A vacina custa entre R$ 1,50 e R$ 1,70...

Vacinação contra a febre aftosa começa amanhã (1º) na maioria dos estados

A vacinação de bovinos e búfalos contra febre aftosa começa amanhã (1º), em todos os estados e no Distrito Federal. A exceção é o Amapá, que concentrará a imunização no período de setembro a novembro, e Santa Catarina, onde a doença foi eliminada. De acordo com o Ministério da Agricultura, o pecuarista que descumprir a medida estará sujeito a autuação e multa, cujo valor varia conforme regras de cada unidade da Federação.

Segundo calendário do ministério, enquanto a maioria dos produtores do país ficará responsável por imunizar todo o rebanho bovino e bubalino, os pecuaristas do Acre, Espírito Santo e Paraná deverão vacinar, nessa primeira fase, os animais com idade até 2 anos, estendendo a imunização aos demais somente em novembro...

Vacina contra febre aftosa tem início em Pernambuco

A segunda etapa da Campanha de vacinação contra a febre aftosa começou no Estado de Pernambuco. A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro), diz que cerca de 15 mil animais devem ser vacinados. A campanha segue até o dia 30.

A vacina contra a febre aftosa é obrigatória apenas para os animais mais jovens, bovinos e búfalos com até dois anos de idade. Segundo a Adagro, o produtor que não vacinar paga multa de, no mínimo, R$60,00 e aquele que não declarar o rebanho (atualização cadastral) fica impedido de retirar a Guia de Trânsito Animal e obter declarações da Agência...

Primeira etapa de campanha de vacinação contra febre aftosa na BA termina na terça-feira (30)

Termina na terça-feira (30) na Bahia a primeira etapa da campanha nacional de vacinação contra a febre aftosa 2017. Em todo o estado, a expectativa é de que sejam vacinados mais de 10 milhões de cabeças de gado, entre bovinos e bubalinos. A campanha teve início no dia 1° de maio. Em todo o país, conforme o Ministério da Agricultura, a meta é imunizar 198 milhões de animais. O número representa mais de 90% do rebanho do país, de 217,5 milhões de cabeças.

Esse ano, além de poder fazer a declaração de que o rebanho foi vacinado nos escritórios da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), o criador também vai poder declarar que imunizou seus animais através do site do órgão. A Bahia, que tem o oitavo maior rebanho do país, é considerada "zona livre de febre aftosa" com vacinação desde 2001. O último caso de febre aftosa no estado foi há 20 anos, em 1997...

Primeira etapa de campanha de vacinação contra febre aftosa começou na BA

Começou nesta segunda-feira (1º) na Bahia a primeira etapa da campanha nacional de vacinação contra a febre aftosa 2017. Deverão ser vacinados mais de 10 milhões de cabeças de gado, entre bovinos e bubalinos, durante todo o mês de maio.

Além da Bahia, outros 22 estados e o Distrito Federal também iniciam a primeira etapa da imunização na segunda, conforme o Ministério da Agricultura. A meta é imunizar, em todo o país, 198 milhões de animais. O número representa mais de 90% do rebanho do país, de 217,5 milhões de cabeças...

Andorinha realiza campanha contra a Febre Aftosa

A prefeitura de Andorinha, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente em parceria com Agência de Defesa Agropecuária da Bahia –Adab, está realizando campanha contra a Febre Aftosa. A campanha municipal está inserida no calendário estadual e teve início 1º de novembro, sendo estendida até o final do mês, dia 30.

"O município de Andorinha sempre teve participação efetiva nas campanhas e esse ano não será diferente. Espero que todos estejam atentos para fecharmos com os 100% de vacinação do nosso rebanho. Comentou o secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente", Antônio Guimaraes...

Começou a campanha de vacinação contra a febre aftosa em Pernambuco

A segunda etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa começou dia 01 e vai acontecer até 30 de novembro, quando todo o rebanho de bovinos e bubalinos deve ser imunizado. Mesmo com o status de área livre de febre aftosa com vacinação é preciso continuar protegendo os animais da doença. A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado - Adagro espera imunizar mais de 90% do rebanho pernambucano, que hoje é de cerca de 1,9 milhões de animais.

"Em Pernambuco temos mais de 99 mil produtores rurais e todos eles são obrigados a adquirir a vacina nas casas agropecuárias e declarar nos escritórios da Adagro a vacinação. O criador que não vacina fica impedido de tirar a Guia de Trânsito Animal - GTA e não pode se cadastrar em programas do Governo, além de pagar multa de no mínimo R$ 60,00” declarou a gerente geral da Adagro, Erivânia Camelo...

Bahia celebra 15 anos livre da aftosa durante lançamento de campanha

Os 15 anos do reconhecimento internacional da Bahia como livre de febre aftosa com vacinação foram comemorados durante o evento de lançamento oficial da campanha, nesta sexta-feira (6), no espaço Kaikan, em Teixeira de Freitas, no sul da Bahia. Mesmo com os problemas enfrentados pela falta de chuva na região, os criadores apoiam a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), vacinando os animais em prol da sanidade animal do estado. 

“A meta é vacinar 96% dos cerca de 11 milhões de bovídeos na Bahia e a expectativa é que a regional de Teixeira de Freitas vacine 98% dos animais”, explica o secretário da Agricultura, Vitor Bonfim. A coordenadoria regional da Adab de Teixeira de Freitas está entre os melhores resultados do estado, com 97,22% obtidos em novembro de 2015. A região influencia diretamente no índice baiano, por ter o maior rebanho regional e os três maiores rebanhos municipais - Itamaraju (183.962), Guaratinga (152.763) e Itanhém (149.940). 

O impacto negativo de uma enfermidade como a febre aftosa em um país como o Brasil é em torno de US$ 7 bilhões por ano ano. Diante disso, o diretor-geral da Adab, Oziel Oliveira, reforça a importância da vacinação perante os prejuízos socioeconômicos gerados com a constatação da doença. “A aftosa não afeta só os criadores e pecuaristas com o fechamento de marcado, atinge os agricultores, a exemplo da fruticultura e dos grãos, que deixam de exportar. Por isso, devemos continuar vacinando e declarando, sempre em busca da manutenção dos índices vacinais acima de 90%, mínimo exigido pela OIE”, afirma Oziel. 

Declaração via internet

O Governo do Estado está trabalhando para melhor atender os criadores. A partir da próxima etapa de vacinação, realizada em novembro, a Adab vai possibilitar a declaração via internet. Ou seja, o criador poderá confirmar a aplicação das vacinas do computador da propriedade ou de casa, bem como atualizar cadastro e rebanho. 

A ação gera maior conforto, comodidade e confiabilidade ao Sistema de Defesa Agropecuária da Bahia e é resultado do comprometimento dos produtores com a pecuária baiana, que tem a sanidade animal como base para o desenvolvimento sustentável da atividade, informa o diretor de Defesa Sanitária Animal da Adab, Rui Leal. A agência continua trabalhando, por meio de políticas públicas, para cumprir o compromisso firmado com o Brasil na erradicação da doença até 2020, em todos os países do continente Americano, conforme consta no Programa Hemisférico de Erradicação da Febre Aftosa (PHEFA). ..