RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 293 registros para a palavra: MORO

MPF pede à Justiça do DF para não estender a ação de Lula decisão que declarou Moro suspeito

A Procuradoria da República no Distrito Federal pediu nesta quarta-feira (21) à Justiça Federal de Brasília que não estenda a uma ação relacionada ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a decisão que declarou a suspeição do juiz Sergio Moro.

O ex-presidente é réu em uma ação na Justiça de Brasília que apura se houve favorecimento à construtora Odebrecht para obras em Angola. Quando Lula se tornou réu, a defesa do petista negou irregularidades, afirmando que ele "jamais solicitou ou recebeu qualquer vantagem indevida antes, durante ou após exercer o cargo de presidente da República"...

Alexandre de Moraes prorroga por mais 90 dias inquérito que apura se Bolsonaro interferiu na PF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), prorrogou nesta terça-feira (20) por mais 90 dias o inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal.

O inquérito foi aberto no ano passado pelo STF, que atendeu a um pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), e tem como base acusações feitas pelo ex-ministro da Justiça Sergio Moro...

Moro deve responder até novembro convite do Podemos para eleição presidencial em 2022

O ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro deve anunciar até novembro se aceita o convite do Podemos para disputar a Presidência da República em 2022. Apesar disso, em diálogo com personagens da cúpula partidária, o ex-juiz federal não tem falado em candidatura.

“Ele ficou de pensar, não disse nem sim nem não”, comentou o senador Álvaro Dias (Podemos-PR). Há pouca chance de a empreitada vingar. O ex-juiz quer influenciar no processo eleitoral, mas fora da urna, segundo o Estado de São Paulo. ..

STF decide que Moro é suspeito em todos os processos contra Lula

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) manteve, nesta quarta-feira (23), a decisão da Segunda Turma do Tribunal que declarou a suspeição do ex-juiz Sergio Moro na ação penal contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva referente ao triplex no Guarujá (SP). Por maioria de votos, o colegiado entendeu que Moro demonstrou parcialidade na condução do processo na 13ª Vara Federal de Curitiba (PR).

O julgamento começou em abril e foi suspenso por pedido de vista do ministro Marco Aurélio, decano do STF. O outro voto proferido nesta tarde foi o do presidente do Supremo, ministro Luiz Fux. Com a conclusão do julgamento, fica mantida a anulação de todas as decisões de Moro no caso do triplex, incluindo os atos praticados na fase pré-processual...

Supremo confirma decisão que declarou Moro parcial em caso de Lula

O STF (Supremo Tribunal Federal) confirmou, nesta quarta-feira (23), em placar de 7 a 4 a decisão da Segunda Turma da corte de declarar a parcialidade do ex-juiz Sergio Moro na condução do processo do tríplex de Guarujá (SP), que levou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à prisão por 580 dias.

O tribunal já tinha maioria nesse sentido, mas ainda faltavam os votos do ministro Marco Aurélio, que havia pedido vista (mais tempo para analisar o caso), e do presidente, Luiz Fux. Ambos votaram para anular a decisão da turma, mas outros sete ministros já haviam se posicionado de maneira oposta...

FAMÍLIAS DE AGRICULTORES ACUSAM MOROSIDADE DAS PREFEITURAS EM AGILIZAR PROGRAMAS PARA COMPRA E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS

Desde o ano passado movimentos e organizações sociais do campo e da cidade apresentaram ao Governo Federal uma proposta para fortalecimento do Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar (PAA), demandando o aporte emergencial de R$ 1 bilhão para esse mecanismo que ganhou relevância na crise do coronavírus. 

Endereçada aos governos federal, estaduais e municipais, a demanda prevê a mobilização de 150 mil famílias de agricultores, com a aquisição de 250 mil toneladas de alimentos...

UPAE/IMIP comemorou o Dia das Mães com homenagem do Serviço Social, CIPA e Segurança do Trabalho

A Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) comemorou o Dia das Mães com uma homenagem do Serviço Social, dos membros da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) e da equipe de Segurança do Trabalho. A ação teve como público alvo tanto as profissionais mães do serviço, como as pacientes.

Na quinta e sexta-feira (06 e 07), os cipeiros e os técnicos de segurança do trabalho percorreram todos os setores da Unidade levando um mimo e palavras de carinho. "Distribuímos bombons e cartões para lembrá-las do quanto são importantes. São datas que a gente não pode deixar passar em branco pelo grande valor afetivo", justificou a fisioterapeuta e presidente da CIPA, Aylla Alencar...

Maioria do STF decide manter decisão que julgou Moro parcial

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (22) que a 2ª Turma da Corte tem competência para considerar o ex-juiz Sergio Moro suspeito para julgar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do tríplex do Guarujá.

Votaram pela competência do colegiado os ministros Gilmar Mendes, Nunes Marques, Alexandre de Moraes, Ricardo Lewandowski, Dias Toffoli, Cármen Lúcia e Rosa Weber...

Viúva de João Gilberto é despejada do apartamento onde morou com o cantor

O juiz Paulo Roberto Campos Fragoso, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, decidiu contra a moçambicana Maria do Céu Harris, ex-companheira do cantor João Gilberto, nesta terça-feira (6)  em uma ação de despejo do apartamento onde o artista viveu.

De acordo com informações do jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, trata-se do apartamento no número 234 da Rua Carlos Góis, no Leblon. João Gilberto viveu no local até sua morte, em julho de 2019...

Caso Lula: Ministra Cármen Lúcia muda voto e STF declara ex-juiz Moro suspeito

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), mudou o voto e entendeu que o ex-juiz Sergio Moro atuou parcialmente nos processos envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Com a decisão da magistrada, se formou maioria para suspender os processos e investigações contra o petista. As diligências devem ser iniciadas novamente, o que pode gerar prescrição das ações penais.

Com a decisão, tomada pela Segunda Turma nesta terça-feira (23/3), as investigações contra Lula nos processos envolvendo Moro ficam invalidadas. Os ministros avaliaram habeas corpus apresentado pela defesa de Lula, com base em atos processuais, que foram reforçados por mensagens obtidas pelo hacker Walter Delgatti Neto, e apreendidas pela polícia Federal na Operação Spoofing...

Nunes Marques pede vista e adia fim do embate entre Lula e Moro no STF

Indicado pelo presidente Jair Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Kássio Nunes Marques pediu vista, isto é, mais tempo para analisar o caso da suspeição do ex-ministro Sergio Moro.

“Nunca acessei esse processo, nunca tive sequer a curiosidade. Até tentei alinhar o voto diante do que vi. O tempo foi extremamente curto para um membro que jamais participou do processo e nunca teve conhecimento sobre ele”, afirmou. Com isso, o julgamento não será finalizado nesta terça-feira, 9. Até o momento, o placar parcial é de 2 votos a 2. Mesmo com o pedido de Nunes Marques, o ministro Ricardo Lewandowski adiantou seu voto e fez diversas críticas à atuação de Moro...

STF mantém julgamento de suspeição de Moro para esta terça-feira (9) e Lula adia pronunciamento

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (9/3) por manter o julgamento da suspeição do ex-juiz Sergio Moro nos casos da Lava-Jato. O pedido para o adiamento foi apresentado pelo ministro Edson Fachin, que na segunda-feira (8) anulou as condenações do ex-presidente Lula nos processos da Lava-Jato, tornando-o novamente elegível.

Fachin entendeu que a 13ª Vara Federal de Curitiba não teria competência nas ações. Após a decisão, o ministro Gilmar Mendes decidiu pautar a ação sobre a imparcialidade de Moro. Entendendo que o julgamento do ex-juiz federal não tinha precedência em relação à sua decisão de segunda-feira, Edson Fachin pediu a suspensão da sessão...

Gilmar Mendes pode levar recurso de Lula sobre suspeição de Moro para Segunda Turma nesta terça, diz jornalista

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), pode levar nesta terça-feira (9) para apreciação da Segunda Turma o habeas corpus impetrado pela defesa de Lula que pede a suspeição do ex-juiz Sergio Moro. Segundo os advogados do ex-presidente, Moro foi parcial ao julgar Lula enquanto esteve na 13ª Vara da Justiça Federal, responsável pela maioria dos processos da Lava Jato.

Esse habeas corpus está com Gilmar Mendes desde 2018. Já votaram contra a suspeição de Moro os ministros Carmen Lucia e Edson Fachin. Faltam votar, além de Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Nunes Marques, que é novo na Segunda Turma...

Artigo: Analógicos, gracas a Deus!

Nasci em modo analógico. E gostei. Sempre estive adaptada e não me custava tanto esperar as coisas se sucederem. Cultivar desejos, aguardar uma oportunidade, semear e aguardar pelo tempo da colheita seja de lá o que fosse não me era um fardo assim tão pesado. Era a vida em modo  analógico. E eu estava em paz.

Procurar por algo numa loja, varrer quilômetros quadrados atrás daquilo que fosse desejado, até esperar numa fila tinha lá o seu encanto, porque era uma pausa obrigatória no dia para ler aquele livro que sempre carregava comigo na bolsa, quando, de outro modo, o tempo "usurpado" para a leitura seria julgado pelo mundo como "ócio". Enfim, a vida era assim. E éramos felizes...

Maioria da 2ª Turma do STF libera acesso de Lula a conversas vazadas de Moro

A maioria da Segunda Turma do Supremo Tribunal (STF) votou contra o recurso de procuradores da Operação Lava Jato e liberou o acesso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a mensagens que foram apreendidas na Operação Spoofing com conversas do ex-juiz Sergio Moro com procuradores, como Deltan Dallagnol. 

O relator, ministro Ricardo Lewandowski, votou contra o recurso e foi acompanhado do voto dos ministros Nunes Marques e Cármen Lúcia. Edson Fachin discordou e pediu para esperar o julgamento em plenário do uso das mensagens. Ainda resta o voto do ministro Gilmar Mendes...

Documento da empresa de Moro prova que triplex era da OAS, não de Lula

Na tarde desta quarta-feira (2), o jornalista Reinaldo Azevedo revelou a informação de que a consultoria estadunidense Alvarez & Marsal, que contratou o ex-juiz Sergio Moro recentemente, possui um documento no qual comprova a propriedade do tríplex do Guarujá, alvo da Lava Jato em 2017.

Segundo dados nos documentos divulgados, há informações sobre o imóvel no litoral paulista e confirma que o mesmo era da construtora OAS, não do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como teria afirmado a Justiça brasileira em processos...

Moro e Huck tiveram encontro para discutir uma possível chapa para presidente em 2022

O ex-ministro da Justiça e ex-juiz Sergio Moro e o apresentador da TV Globo, Luciano Huck, se encontraram no último dia deste mês de outubro para avaliar a possiblidade de uma aliança entre os dois para as eleições de 2022.

De acordo com publicação da Folha de São Paulo, o convite partiu do ex-juiz e o encontro foi no apartamento de Moro, onde avaliaram pilares de um projeto político que seria encabeçado por um dos dois e tendo o outro como vice. Os pilares para uma possível chapa presidencial seria o liberalismo econômico, combate à corrupção e redução das desigualdades...

Moro quer que Bolsonaro seja ouvido presencialmente em inquérito

Em documento enviado ao ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, os advogados do ex-ministro Sérgio Moro defendem que o presidente Jair Bolsonaro seja ouvido presencialmente, e não por escrito, no inquérito que investiga sua suposta inferência indevida na Polícia Federal.

Na petição, protocolada no início da tarde desta segunda (5), os advogados alegam que, como investigado, Bolsonaro não teria o direito de usufruir da possibilidade aberta pelo Código de Processo Penal que prevê, para algumas autoridades, o depoimento por escrito em casos que figurem como testemunhas ou vítimas...

Moro diz que Lava Jato está ameaçada e depende de ação da PGR

Em entrevista ao jornal Correio Braziliense, publicada domingo (6), o ex-ministro Sergio Moro disse que a Operação Lava Jato "está ameaçada" e depende da ação da PGR (Procuradoria Geral da República).

"A Lava Jato foi a maior operação contra a corrupção na história no Brasil e, infelizmente, tem sofrido reveses neste momento. A continuidade e as condições de trabalho das forças-tarefas do Ministério Público estão ameaçadas. Reverter esse quadro depende muito da Procuradoria-Geral da República", disse o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública ao ser questionado se a operação havia chegado ao fim...

Bolsonaro ironiza aumento do nº de operações da PF após saída de Moro: "Passe de mágica"

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deixou uma indireta neste domingo (02), em seu Twitter, ao ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, seu antigo aliado que virou desafeto após a saída polêmica da pasta, em abril (sem partido).

Com a troca do Ministro da Justiça, como por um passe de mágica, várias e diversificadas operações foram executadas. A @PRFBrasil, por sua vez, quase triplicou a apreensão de drogas com o novo ministro”, escreveu...